JF Diório/Estadão
JF Diório/Estadão

Prestes a fazer 200º jogo pelo Corinthians, Elias exalta time

Volante destaca boa fase da equipe às vésperas de quebrar marca

RAPHAEL RAMOS, O Estado de S. Paulo

10 de abril de 2015 | 12h21

Elias completa neste sábado, contra a Ponte Preta, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, 200 jogos pelo Corinthians. Em sua segunda passagem pelo clube, o volante chega à expressiva marca em grande fase, assim como a equipe, que está invicta há 23 jogos. O momento do time alvinegro é tão bom que, segundo Elias, outros times se inspiraram na equipe de Tite.

"Não posso ser hipócrita e dizer que a gente não se motiva com nosso futebol. Até na seleção brasileira alguns jogadores comentam que os treinadores das equipes passam nossos vídeos, mostrando a compactação e as triangulações", afirmou o jogador, nesta sexta-feira, em entrevista coletiva.

Nome constante nas convocações de Dunga desde o ano passado, o volante disse que até os jogadores que atuam no exterior têm se rendido ao bom futebol apresentado pelo time alvinegro neste início de temporada. "O pessoal de fora acompanha o Corinthians. Ano passado se comentava muito sobre o Cruzeiro. Quem gosta, quem conhece futebol, tem de se aprofundar. O pessoal da seleção fala muito do nosso estilo de jogo, das triangulações. Todo mundo está comentando. Tem de saber lidar com isso, mas fico muito feliz com o reconhecimento", disse.

O Corinthians terminou a primeira fase do Campeonato Paulista com 37 dos 45 pontos disputados e a melhor campanha do Estadual. Os titulares que ganharam descanso e não enfrentaram o XV de Piracicaba, quarta-feira, retornam à equipe. O Corinthians enfrentará a Ponte com Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Renato Augusto, Jadson e Emerson; Guerrero.

"Considero a Ponte o melhor time do interior, por ser de Série A do Brasileiro e ter uma equipe forte e competitiva. Mas entre os quatro grandes, nossa equipe também é a mais preparada, estamos jogando decisões desde o início do ano. Mas isso é só na teoria", disse Elias.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansElias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.