Antônio Lacerda/EFE
Antônio Lacerda/EFE

Procura por passagens para o Brasil no período da Copa do Mundo dispara

Ingleses demonstram interesse 1092% superior ao verificado para os primeiros meses de 2014

O Estado de S. Paulo

13 de setembro de 2013 | 18h23

SÃO PAULO - Mesmo sem sua seleção ter garantido matematicamente uma vaga pelas Eliminatórias Europeias, os ingleses parecem ser os mais entusiasmados para virem ao Brasil assistir à Copa do Mundo em 2014. Levantamento feito pelo Skyscanner - principal site de busca por passagens aéreas na Europa e terceiro do mundo - apontou um crescimento de 1092% nas buscas por viagens da Inglaterra para o Brasil para o mês de junho de 2014.

A comparação leva em conta a média para o mês em que será realizada a Copa com as buscas relativas aos cinco meses anteriores ao evento. Os números apresentados se referem a pesquisas feita entre janeiro deste ano até a última quinta-feira, 12.

De acordo com o levantamento, os colombianos também apresentam grande interesse em assistir à segunda Copa do Mundo que será realizada no Brasil. O interesse por viagens da Colômbia ao Brasil no período do evento é 1082% maior se comparado à media dos meses anteriores. A Colômbia é vice-líder das Eliminatórias sul-americanas e não disputa um Mundial desde 1998.

Curiosamente, as buscas por viagens a partir de países que têm presença constante em Copas do Mundo ainda são tímidas. Os italianos - que garantiram uma vaga na última terça-feira - demonstram interesse apenas 15% superior ao do restante do ano. Os espanhóis, praticamente confirmados no Mundial, revelam aumento de 65% nas pesquisas por viagens ao Brasil em junho de 2014.

CRESCIMENTO DAS BUSCAS POR PAÍS*

Inglaterra - 1092%

Colômbia - 1082%

México - 680%

Austrália - 575%

Noruega - 479%

Taiwan - 456%

Suécia - 409%

Bélgica - 384%

Emirados Árabes Unidos - 421%

Estados Unidos - 374%

Alemanha - 259%

França - 203%

Espanha - 65%

Portugal - 56%

Itália - 15%

*números referentes a pesquisas por viagens no mês de junho em comparação à média para os cinco primeiros meses de 2014

Tudo o que sabemos sobre:
Copa do MundoFutebolCopa 2014

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.