Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Procuradoria recorre, e Felipe Melo e Clayson serão julgados de novo

Órgão questiona punição de uma partida à dupla por confusão durante clássico em novembro, pelo Campeonato Brasileiro

O Estado de S. Paulo

11 de dezembro de 2017 | 20h17

O ano nos tribunais ainda não acabou para Corinthians e Palmeiras. Na próxima quinta-feira, às 14h, o atacante Clayson e o volante Felipe Melo serão julgados novamente pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela confusão nos vestiários do clássico entre as duas equipes, realizado em 5 de novembro, pelo Campeonato Brasileiro. Inicialmente os dois pegaram somente uma partida de suspensão.

+ 'Leilão' por zagueiro Pablo irrita clubes

+ Zico defende Guerrero de punição

Em 16 de novembro a dupla foi a julgamento pela primeira vez. Porém, o resultado deixou insatisfeita a Procuradoria do STJD recorrer da punição e pede uma pena maior para a dupla. Os jogadores cumpriram a pena nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro e foram liberadores para atuarem por suas equipes já nas rodadas seguintes da competição.

O palmeirense e o corintiano se desentenderam no túnel de acesso ao vestiário. Na época, Clayson acusou Felipe Melo de ter atirado em sua direção uma munhequeira. O volante, por sua vez, chegou a acusar o adversário de ter cuspido nele. Os dois foramenquadrados no artigo 258, que descreve sobre assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva. A punição prevista é de uma a seis partidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.