Projetos sociais convenceram Edmundo

O Nova Iguaçu preparou uma grande festa nesta segunda-feira para recepcionar o seu novo reforço, com a presença de políticos e empresários locais. O veterano atacante Edmundo foi contratado pelo clube da segunda divisão do Rio e jogará ao lado de Zinho, que é um dos donos do time.Aos 34 anos, Edmundo assinou contrato até julho, quando acaba o campeonato da segunda divisão, vai ganhar cerca de R$ 20 mil por mês e quer participar de vários projetos de incentivo a crianças carentes na Baixada Fluminense. Ele, inclusive, chorou ao falar sobre a nova etapa de sua vida. "Usar o meu trabalho para tirar criança das ruas vai ser gratificante", afirmou. Emocionado, ele revelou que ficou com receio de não ser uma boa referência para a cidade quando foi convidado para participar da divulgação dos projetos sociais, mas se deixou convencer de que deveria aceitar o desafio. Edmundo também fez elogios a Zinho e disse que o colega é um exemplo dentro e fora de campo. E que, por isso, não haveria comparações entre os dois. "Eu queria ser como ele. Infelizmente não dá", admitiu, rindo de si mesmo em seguida.Ao ser perguntado se teria as mesmas regalias que Romário tem no Vasco, foi rápido na resposta. "Eu sou o Edmundo. Vou vir trabalhar todos os dias, concentrar, viajar com a equipe", garantiu o atacante.A contratação do reforço faz parte de uma parceria entre o clube, três empresas da Baixada Fluminense e a cidade de Nova Iguaçu. A imagem de Edmundo será explorada para a expansão de escolinhas de futebol no município. "Com ele, vamos aumentar a auto-estima da nossa população, chocada com histórias de violência, de chacinas", explicou o prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias (PT).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.