Bartolomiej Zborowski/EFE
Bartolomiej Zborowski/EFE

Promessa da Polônia, Bednarek mostra personalidade: 'Não sinto pressão'

Seleção polonesa estreia na terça-feira, contra Senegal, em Moscou

Estadão Conteúdo

16 Junho 2018 | 22h18

O jovem zagueiro da seleção polonesa Jan Bednarek afirmou que não se sente pressionado para a estreia na Copa do Mundo da Rússia contra Senegal, nesta terça-feira, às 12 horas (de Brasília), em Moscou, pelo Grupo H. Aos 22 anos, tampouco se incomoda com o fato de ser considerado uma das promessas positivas da Polônia que serão reveladas no Mundial.

+ Craque da Polônia, Lewandowski diz que vai deixar pressão da torcida de lado

"Pressão? Não, eu não sinto nada. É claro que é a Copa do Mundo, mas eu não comecei a jogar futebol há uma ou duas semanas. Não vou esquecer como jogar futebol de repente", afirmou o jogador do Southampton, da Inglaterra, ao mostrar personalidade.

Ele tem apenas três jogos pela seleção principal da Polônia, após figurar em algumas categorias de base da seleção de seu país. Ao site da Fifa, Jan Bednarek, de 1,90 metro, contou que começou a praticar futebol em outra posição. "Comecei minha carreira como goleiro. Mas eu achei ... chato. Eu só ficava no gol e não tinha muito o que fazer. Eu queria ter a bola, ser ativo. Porque eu sou alto, finalmente me encontrei como zagueiro central".

 

Jan Bednarek é companheiro de seleção do brasileiro naturalizado polonês Thiago Cionek, também zagueiro, que frequenta a equipe desde 2014, e do craque Robert Lewandowski.

Além de Senegal nesta terça-feira, a Polônia tem pela frente a Colômbia, no dia 24, e o Japão, no dia 28. O sonho dos poloneses é alcançar as semifinais, como aconteceu em 1974 e 1982, ocasiões em que ficaram com o terceiro lugar.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.