@meiodabeirada/Twitter
@meiodabeirada/Twitter

Protesto na região do Mineirão termina em confronto

Confusão teve início quando um pequeno grupo tentou se aproximar do estádio

MARCELO PORTELA, Agência Estado

26 de junho de 2013 | 17h12

Atualizada às 19h00

BELO HORIZONTE - Depois de mais de cinco horas de um protesto pacífico pelas ruas de Belo Horizonte, manifestantes e policiais militares protagonizaram dois princípios de confrontos nos arredores do Mineirão, estádio onde o Brasil enfrenta o Uruguai, na tarde desta quarta-feira, pela semifinal da Copa das Confederações. Segundo estimativa da PM, ao menos 50 mil pessoas participam do ato na capital mineira. Ao todo, foram 24 presos. Dentro os feridos, o mais grave é de um jovem que caiu de uma ponte sobre a Avenida Presidente Antônio Carlos e que está em estado grave devido a um traumatismo craniano.

O primeiro confronto teve início quando um pequeno grupo se separou da maior parte dos manifestantes e tentou se aproximar do estádio, onde foi montado forte esquema de segurança. Essas pessoas, então, começaram a atirar pedras nos policiais que fazem cordão de isolamento na Avenida Antônio Abrahão Caram. A reação da PM foi com bombas de gás lacrimogêneo e de efeito moral. O local é o mesmo onde foram registradas cenas de violência em protestos realizados nos dias 17 e 22 de junho.

Também foi registrado princípio de confronto no cruzamento das avenidas Presidente Antônio Carlos e Santa Rosa, a pouco mais de um quilômetro do Mineirão. A PM impediu que os manifestantes seguissem em direção à Lagoa da Pampulha e um grupo começou a atirar pedras nos policiais. Como no outro ponto de conflito na tarde desta quarta-feira, a reação foi com bombas de gás lacrimogêneo e de efeito moral, além de tiros de balas de borracha. Os manifestantes atacaram diversas prédios ao longo do trajeto e colocaram fogo em uma concessionária de veículos. em frente ao campus da Universidade Federal de Minas Gerais, na mesma área onde fica o Mineirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.