Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Provável substituto de Cueva, Shaylon exalta sequência de vitórias do São Paulo

Atleta é o favorito para a vaga do peruano, que desfalcará o time diante da Chapecoense nesta quinta

O Estado de S.Paulo

08 Novembro 2017 | 15h19

Sem Cueva, Shaylon é o favorito para assumir o posto de titular no meio-campo do São Paulo nesta quinta-feira, no duelo contra a Chapecoense, no estádio do Pacaembu. Ele vinha substituindo o peruano em jogos do time tricolor e voltou a ser testado entre os titulares nos treinos da equipe. O jogador atuou 13 vezes pelo time principal do São Paulo neste ano, depois de defender a base do clube. Foi titular em duas oportunidades. 

Projeto que tenta 'salvar' CT do São Paulo sofre alteração e avança na Câmara

Para o jogador, o São Paulo precisa manter a sequência de vitórias, que já soma três triunfos consecutivos no Brasileirão (sobre Flamengo, Santos e Atlético-GO). “O time está em uma boa sequência, e queremos manter isso para ir atrás de objetivos maiores. O importante é dar sequência ao trabalho para distanciar a equipe dos últimos lugares”, disse o atleta, ao site do clube.

Além dele, Dorival também tem como opções Gomez, Lucas Fernandes, Maicosuel e Thomaz. “Assim como os meus companheiros, tenho trabalhado para agarrar esta chance. Independentemente de quem for o escolhido, tenho certeza de que dará conta do recado. É uma grande tarefa substituir o Cueva, que é o nosso camisa 10, mas estamos preparados para tentar ajudar”, avaliou Shaylon.

Nesta quarta, Dorival Junior comandou um coletivo no último treino da equipe antes do jogo de quinta. Depois, como de costume nas vésperas dos jogos, fez o time trabalhar cobranças de bolas paradas (escanteios e faltas). Assim como nos últimos dias, jovens da base do São Paulo participaram da atividade no CT da Barra Funda, feita com portões fechados. Rony, Paulo Boia, Paulinho, Pedro Augusto e Igor Gomes estavam presentes.

O São Paulo é o 9º colocado após 32 rodadas do Campeonato Brasileiro. Depois da Chapecoense, enfrentará Vasco e Grêmio, ainda sem Cueva, que defende a seleção peruana na repescagem das Eliminatórias da Copa do Mundo, contra a Nova Zelândia.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.