Prudente promete time guerreiro contra Botafogo

Se depender do Prudente, o Botafogo dará adeus as suas chances de vaga na Copa Libertadores 2011 neste domingo. Embora já esteja rebaixado para a Série B há duas rodadas, o elenco do time paulista promete um time guerreiro contra os cariocas, a partir das 17 horas, no Engenhão, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

28 de novembro de 2010 | 08h52

A queda do Prudente foi confirmada ainda na 35.ª rodada, após a derrota no último minuto para o Atlético-PR, por 2 a 1, na Arena da Baixada. No último domingo, o time apenas ficou no empate com o Ceará, por 1 a 1, mantendo-se no último lugar, com 28 pontos.

O discurso dos jogadores do clube paulista é de honrar a camisa e ser profissional nas últimas rodadas. "Temos que entrar em campo para vencer. Sabemos que é um jogo que vai influenciar na tabela, o Botafogo é um time que está brigando pela Libertadores, então vamos entrar para conseguir uma vitória", avaliou o volante João Vítor.

O histórico do clube de Presidente Prudente contra cariocas, no entanto, não é nada bom. Até agora, nos sete confrontos realizados contra equipes do Rio, o Prudente empatou apenas dois e perdeu cinco. No primeiro turno, o Botafogo venceu, por 1 a 0, em pleno Estádio Eduardo José Farah.

Para esta partida, o técnico Fábio Giuntini terá dois desfalques. O zagueiro Flávio Boaventura continua suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça (STJD) e não joga mais o Brasileirão. Já o atacante Wanderley continua lesionado e também está fora.

Por outro lado, o treinador poderá escalar o artilheiro do clube no campeonato, Wesley, que anotou dez gols. O jogador substitui Rhayner, que deve retornar ao banco de reservas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroPrudente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.