Stephane Mahe/Reuters
Stephane Mahe/Reuters

PSG confirma fratura, mas Thiago Silva afirma estar bem

Zagueiro sofreu ferimento no rosto depois de uma cotovelada em partida do Campeonato Francês

AE, Agência Estado

22 de março de 2014 | 21h42

PARIS - Substituído ainda no primeiro tempo do jogo no qual o Paris Saint-Germain venceu o Lorient por 1 a 0, na última sexta-feira, pelo Campeonato Francês, Thiago Silva sofreu uma fratura em um osso do seu rosto ao levar uma cotovelada de Aboubakar. A ocorrência da fratura foi confirmada neste sábado pelo clube parisiense, mas o próprio jogador, capitão da seleção brasileira, já minimizou a importância do problema.

"Os exames realizados neste sábado revelaram que o zagueiro Thiago Silva fraturou o osso zigomático no lado esquerdo do rosto, evidenciando afundamento moderado", informou o Paris Saint-Germain, por meio de nota em seu site oficial, também deixando claro que conta com o retorno do jogador aos gramados em breve.

"O jogador não necessita de cirurgia, mas o tempo de recuperação dependerá da evolução das dores nos próximos dias. A participação de Thiago Silva nas quartas de final da Liga dos Campeões (contra o Chelsea, no início do próximo mês) provavelmente não estará comprometida", completou a nota.

Thiago Silva, por sua vez, usou as redes sociais para tranquilizar os torcedores do Paris Saint-Germain e principalmente os da seleção brasileira, pois ele é um dos principais líderes do time nacional que buscará o hexacampeonato mundial na Copa de 2014, marcada para acontecer entre junho e julho.

"Pessoal, tive uma pequena fratura no osso zigomático... Nada que uma máscara de carbono não possa resolver. Beijo a todos e obrigado pela preocupação", escreveu o jogador em sua página no Istagram, na qual postou uma foto exibindo o rosto com o pequeno afundamento sofrido na partida da última sexta.

Mesmo perdendo Thiago Silva, substituído por Alex contra o Lorient, o Paris Saint-Germain venceu o jogo por 1 a 0 e se manteve na liderança disparada do Campeonato Francês. Dominando rumo a mais um título nacional, a equipe francesa fará o jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões no próximo dia 2 de abril, em casa, antes de encarar o Chelsea no dia 8, em Londres, no confronto de volta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.