Bertrand Guay/AFP
Bertrand Guay/AFP

PSG não terá Messi e Neymar contra o Brest pelo Campeonato Francês; Donnarumma estreia

Cauteloso, técnico Mauricio Pochettino adia presença de craques no time parisiense; Sergio Ramos não é relacionado e também fica fora

Redação, Estadão Conteúdo

20 de agosto de 2021 | 08h50

O técnico argentino Mauricio Pochettino preferiu a cautela e adiou a estreia do argentino Lionel Messi no Paris Saint-Germain. Nesta sexta-feira, a lista de relacionados para o jogo contra o Brest, fora de casa, pela terceira rodada do Campeonato Francês, foi divulgada e o nome do craque não aparece.

Outros dois jogadores tambem estão fora: Neymar e o zagueiro espanhol Sergio Ramos. O trio, desta forma, só deve ser utilizado a partir do duelo com o Reims, no domingo que vem, dia 29, em Paris. Ainda não está definido.

Porém, há uma novidade no elenco para o jogo em Brest. O goleiro italiano Donnarumma, campeão da Eurocopa, foi relacionado pela primeira vez por Pochettino e pode fazer sua estreia pelo clube - ele seria o terceiro reforço a ir a campo, depois do lateral-direito marroquino Hakimi e do volante holandês Wijnaldum.

O Paris Saint-Germain também já terá o retorno do atacante argentino Ángel Di María, que teve as férias adiadas pela disputa da Copa América no Brasil. Entre os atletas que podem fazer o primeiro jogo na temporada estão, também, o zagueiro Marquinhos, que também teve descanso adiado pela competição sul-americana e o volante Verratti, que foi campeão com a Itália na Eurocopa. O meia argentino Leonardo Paredes segue fora dos relacionados.

O clube de Paris está na terceira colocação do Campeonato Francês com seis pontos, após duas vitórias nas duas primeiras rodadas (contra Troyes e Strasbourg) - está atrás de Angers e Clermont por conta do saldo de gols. O duelo contra o Brest, fora de casa, nesta sexta-feira, será 16 horas (de Brasília).

Tudo o que sabemos sobre:
NeymarMessiParis Saint-Germainfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.