Frank Fife/AFP
Frank Fife/AFP

Sem Neymar e Messi, PSG pode confirmar 10º título do Campeonato Francês nesta quarta-feira

Time parisiense precisa vencer o Angers fora de casa e torcer por um tropeço do Olympique de Marselha para erguer a taça e se igualar ao Saint-Etienne como o maior campeão da liga no país

Redação, Estadão Conteúdo

19 de abril de 2022 | 10h38

Após vencer o clássico com o Olympique de Marselha, no fim de semana, o Paris Saint-Germain ficou muito perto do título do Campeonato Francês. O time dos brasileiros Neymar e Marquinhos garante o troféu nesta quarta se vencer o Angers e o Olympique não conquistar a vitória sobre o Nantes no mesmo horário. Para tanto, terá que superar os desfalques do próprio Neymar e de Lionel Messi.

Reforçado pelo argentino nesta temporada europeia, o PSG busca o seu 10º título francês — podendo empatar com o Saint-Etienne como o maior campeão da liga —, o oitavo nos últimos dez disputados. Para tanto, precisa de uma combinação nesta quarta para selar matematicamente o campeonato. No momento, a equipe de Neymar e Messi ostenta 15 pontos de vantagem na liderança da tabela.

O PSG soma 74 pontos, contra 59 do Olympique após 32 jogos cada. Pela 33ª rodada, o time de Paris vai visitar o Angers. Um triunfo fora de casa e um tropeço do vice-líder define o campeão da temporada. Se o Olympique vencer também, a definição será adiada para a rodada seguinte.

E aí, o PSG só precisará de um empate contra o Lens, no Parque dos Príncipes, no sábado, para confirmar a conquista. O título francês é visto quase como uma obrigação para a torcida parisiense após a dolorosa queda nas oitavas de final da Liga dos Campeões. O PSG havia entrado na competição como um dos favoritos ao título pelas boas campanhas recentes na competição e também por contar com a chegada de Messi.

A chegada do argentino aumentou as expectativas da torcida por formar quase um "ataque dos sonhos" na equipe, ao lado de Neymar e do francês Kylian Mbappé. Sem o troféu europeu, grande ambição do PSG, os ânimos dos torcedores se exaltaram nas últimas semanas. Até porque há a sensação de oportunidade perdida, uma vez que Mbappé pode deixar o time na próxima janela de transferências.

Para o duelo desta quarta, o técnico Mauricio Pochettino não terá em campo seu trio completo. Neymar vai cumprir suspensão após acumular três cartões amarelos. Messi tem escalação improvável porque se recupera de uma inflamação no pé esquerdo. O clube não vetou sua escalação e afirmou que ele será reavaliado antes da partida.

O treinador argentino também deve ter as baixas de Julian Draxler, Leandro Paredes, Abdou Diallo, Ander Herrera e Layvin Kurzawa, todos por problemas físicos. Mbappé deve ser titular.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.