Publicitário lança site pró-Romário

O clamor popular por Romário ganhou espaço nobre na Internet. Inconformado com a ausência do atacante na seleção brasileira, o publicitário paulista Daniel Frota, de 28 anos, resolveu fazer um movimento e criou o site www.romarionaselecao.com.br, que já está no ar, mas começará a funcionar a partir de terça-feira. O espaço será destinado aos fãs do jogador, que poderão mandar recados à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e ao técnico Luiz Felipe Scolari pedindo sua convocação, numa espécie de abaixo-assinado. Frota é proprietário da Nexus, empresa que atende ao ramo de tecnologia, principalmente Internet e servidores. Já criou diversos sites, como um direcionado à política (www.politicaglobal.com.br). A frustração por assistir aos jogos da seleção sem a presença de Romário o levaram a investir no esporte. Na quarta-feira, por exemplo, recusou-se a acompanhar o amistoso entre Brasil e Iugoslávia. ?Para mim, a presença dele é imprescindível?, justificou Frota, que pretende escrever um editorial em prol do vascaíno. Ele acredita que o site terá milhares de acessos logo nos primeiros dias. O publicitário alega que o futebol é bancado pelo público, que paga o ingresso para ver os jogos e assiste às partidas pela televisão. Por isso, deveria ter participação na escolha dos atletas. ?No futebol, as coisas são impostas, ninguém leva a gente em consideração?, desabafou. ?Quando a gente vai ao teatro, escolhe a peça que quer ver. Vou ver aquela em que estão no elenco meus atores preferidos?, explicou. O idealizador do movimento, que não esconde a paixão pelo São Paulo, lembrou que no All Star Game, da NBA (jogo das estrelas da Liga de Basquete Norte-Americana), os jogadores das Conferências do Leste e do Oeste são eleitos por meio de votação do público. As duas seleções se enfrentam anualmente, em evento bastante tradicional nos Estados Unidos.

Agencia Estado,

29 Março 2002 | 19h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.