José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Punição do STJD faz Muricy rever planejamento no São Paulo

Técnico vai preservar membros do elenco depois de perda de mando de quatro partidas

Gonçalo Junior, O Estado de S. Paulo

25 de outubro de 2013 | 18h57

SÃO PAULO - A perda de mando de quatro partidas e a necessidade de atuar fora do Morumbi, além da classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana, obrigaram o técnico Muricy Ramalho a modificar o planejamento para os próximos jogos. Preocupado com as viagens que terá de fazer para jogar fora de São Paulo, o treinador decidiu poupar alguns jogadores. "Teremos muitas viagens e teremos de controlar o desgaste. Vamos preservar o elenco", determinou Muricy.

 

Com isso, dois jogadores que estão recuperados de contusão (Luis Fabiano e Antonio Carlos) não voltarão ao time na partida contra o Internacional, domingo, em Caxias do Sul. "Teremos um jogo duríssimo pela Copa Sul-Americana e precisamos do Luis totalmente recuperado. Ele será muito importante", explicou o treinador. No caso do zagueiro, o problema é a falta de ritmo de jogo. "O Antonio Carlos está quase bom, mas também vamos segurá-lo para o jogo da Sul-Americana". Na quarta-feira, o São Paulo vai enfrentar o Nacional de Medellín pela partida de ida das quartas de final do torneio sul-americano. O jogo de volta será na próxima semana.

 

Nesta sexta-feira, o São Paulo foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por causa da confusão envolvendo seus torcedores organizados, a Polícia Militar, e torcedores do Corinthians, no Morumbi, durante o clássico entre as duas equipes, há duas semanas. O clube tricolor acabou punido com a perda de quatro mandos de campo. A oito rodadas do fim do Brasileirão, o São Paulo tem mais quatro jogos a fazer como mandante: contra Portuguesa, Flamengo, Botafogo e Coritiba. A partida contra a Portuguesa será realizada no Morumbi já que será realizada antes do prazo de dez dias previsto no regulamento para notificação de perda de mando de campo como prevê o Regulamento Geral de Competições da CBF. Os outros três jogos serão realizados a 100 km de distância da capital paulista. O time ainda joga fora de casa diante de Inter, Atlético-PR, Fluminense e Criciúma.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCMuricy Ramalho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.