Punido, Mourinho depõe e agora espera decisão da Uefa

O técnico José Mourinho prestou depoimento nesta sexta-feira na sede da Uefa, em Noyn, na Suíça, onde se explicou sobre as declarações polêmicas que fez contra a arbitragem do jogo envolvendo Real Madrid e Barcelona, em abril, pela semifinal da última Liga dos Campeões da Europa. Por causa de sua atitude, ele foi suspenso por cinco partidas, pena contra qual o clube madrilenho apelou.

AE-AP, Agência Estado

29 de julho de 2011 | 12h38

Em entrevista coletiva após o primeiro duelo da semifinal com o Barcelona, realizado em Madri e que terminou em 2 a 0 para o arquirrival do Real, Mourinho insinuou que existe um esquema de favorecimento ao time catalão. Naquela ocasião, o treinador português chegou a ser expulso de campo, indignado com a expulsão do zagueiro brasileiro naturalizado português Pepe após uma falta em Daniel Alves, acusado, na ocasião, de ter simulado que foi atingido pelo defensor.

A comissão disciplinar da Uefa disse que Mourinho fez comentários "inapropriados" após a derrota do Real e anunciou, no início de maio, a suspensão de cinco partidas ao comandante. Destes cinco duelos, ele já cumpriu um, no confronto de volta da semifinal da Liga dos Campeões com o Barcelona.

Caso a suspensão seja mantida pela Uefa, ele precisará cumprir mais três partidas na fase de grupos da próxima Liga dos Campeões. Já o quinto jogo de pena só será aplicado caso ele volte a cometer um ato de indisciplina semelhante nos próximos três anos.

O veredicto final da Uefa sobre o caso deve ser dado ainda nesta sexta-feira. Quando punido com suspensão, Mourinho também foi condenado a pagar uma multa de 50 mil euros. Na época, além de insinuar favorecimento ao Barcelona, ele chegou a fazer um gesto com as mãos para enfatizar que o Real estaria sendo roubado pelo juiz.

Após conquistar a vantagem de 2 a 0 no jogo de ida da semifinal, o Barcelona empatou por 1 a 1 com o Real no duelo de volta, em sua casa, e depois se sagrou campeão europeu da última temporada ao derrotar o Manchester United na decisão, em Londres.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolReal MadridJosé MourinhoUefa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.