Sergei Karpukhin/Reuters
Sergei Karpukhin/Reuters

Putin telefona para técnico da Rússia e parabeniza seleção pela vaga nas quartas

Russos passaram pela Espanha nas oitavas de final com vitória nos pênaltis

Estadão Conteúdo

01 Julho 2018 | 18h14

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, telefonou para o técnico da seleção russa, Stanislav Cherchesov, para parabenizar a equipe pela classificação às quartas de final da Copa do Mundo, após vitória nos pênaltis sobre a Espanha, neste domingo. A informação foi divulgada pelo Kremlin.

+ Técnico da Rússia comemora estratégia e diz: 'são homens de verdade'

+ Akinfeev evita rótulo de herói após pegar dois pênaltis e Rússia eliminar Espanha

O teor da conversa não foi divulgado. Vladimir Putin já havia feito contato telefônico com o treinador antes da partida, para desejar sorte ao grupo.

O presidente não assistiu à partida deste domingo no estádio em Moscou por conta de sua agenda lotada, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, à agência de notícias Interfax, ao acrescentar que ele acompanhou o duelo pela televisão. "Assim como em todo o país, Putin assistiu ao jogo do começo ao fim e torceu por nossos rapazes", disse Peskov.

 

Não é a primeira vez que Vladimir Putin telefona para Stanislav Cherchesov. Logo depois da vitória por 5 a 0 da Rússia sobre a Arábia Saudita, na estreia da Copa do Mundo, o político fez contato com o técnico, que concedia entrevista coletiva. O treinador interrompeu a atividade com os jornalistas para atender ao presidente do país.

A seleção russa tem surpreendido neste Mundial. Fez amistosos nada animadores antes da competição, o que gerou desconfiança dos torcedores. O sucesso inesperado do time anfitrião tem sido benéfico para Vladimir Putin. A população tem deixado de lado a política para fazer festa pelas ruas e praças em todo o país.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.