Peter Schols/Reuters - 9/7/2006
Peter Schols/Reuters - 9/7/2006

Quatro anos após cabeçada, Zidane e Materazzi fazem as pazes, diz jornal

Ex-jogador francês e atleta italiano se cumprimentam em encontro por acaso em Milão

estadão.com.br,

04 de novembro de 2010 | 14h53

Zinedine Zidane e Marco Materazzi finalmente fizeram as pazes. De acordo com matéria publicada pelo jornal espanhol Marca, eles se encontraram por acaso em Milão, se cumprimentaram e colocaram ponto final em uma briga que durava mais de quatro anos.

Na final da Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, Zidane acertou uma cabeçada no peito de Materazzi e foi expulso na prorrogação da partida. Na decisão por pênaltis, a seleção italiana ganhou e levantou a taça.

O encontro aconteceu quando Materazzi, zagueiro da Inter de Milão, foi visitar seu ex-comandante José Mourinho, atual técnico do Real Madrid, em um hotel na cidade. No entanto, ainda no saguão, ele viu Zidane, hoje dirigente do Real Madrid. A troca de palavras foi rápida, mas suficiente para acabar com o longo período de desentendimento.

Zidane abandonou a carreira de jogador profissional logo depois da Copa de 2006, mas Materazzi até hoje é zagueiro da Inter de Milão.

Tudo o que sabemos sobre:
ZidaneMaterazzifutebolCopa 2006

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.