Queens Park Rangers mantém técnico após cair

O Queens Park Rangers garantiu nesta segunda-feira que o técnico Harry Redknapp permanecerá no comando da equipe apesar do rebaixamento para a segunda divisão do Campeonato Inglês. A permanência do treinador foi assegurada após uma reunião com Tony Fernandes, proprietário da equipe.

AE-AP, Agência Estado

29 de abril de 2013 | 15h49

O rebaixamento do Queens Park Rangers foi confirmado no último domingo, com o empate por 0 a 0 com Reading. "Eu não acho que houve algum ponto em que ele estivesse pensando em não estar com a gente e continuar neste projeto que ele embarcou", afirmou o dirigente após o encontro com Redknapp.

O técnico chegou ao Queens Park Rangers em novembro com um contrato de dois anos. Naquele momento, a equipe já estava na zona de rebaixamento, situação que não mudou nem após os investimentos feitos em contratações, como as de Loic Remy e Christopher Samba.

Fernandes garantiu que o Queens Park Rangers não pretende liberar seus principais jogadores após o rebaixamento no Campeonato Inglês. "Harry não será obrigado a vender os jogadores que ele quer manter", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.