Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

'Quero me tornar ídolo do Palmeiras', diz Gabriel Jesus

Atacante marcou dois gols na vitória sobre o Joinville, por 3 a 2

Gonçalo Junior, O Estado de S. Paulo

31 de agosto de 2015 | 15h25

Novo xodó da equipe do Palmeiras, o atacante Gabriel Jesus afirmou que seu plano de carreira é continuar no Palmeiras e se tornar ídolo do clube. "Quero me tornar ídolo e, para isso, preciso ficar muitos anos aqui. Trabalho firme para quem sabe um dia conseguir", afirmou o jogador em entrevista na tarde desta segunda-feira.

Os primeiros passos para se tornar ídolo já estão sendo dados. Contra o Joinville, jogo no qual Gabriel anotou dois gols e foi decisivo a vitória por 3 a 2, domingo, no Allianz Parque, a torcida entoou uma canção criada especialmente para homenagear o jogador.

Humilde e descontraído, Gabriel cantou a música durante a entrevista na Academia. "(Tenho) admiração enorme pela torcida do Palmeiras, que me apoiou quando eu não estava bem. A torcida é a base de tudo, muito importante nos jogos que fazemos na arena. Está sempre lotando. Não só pela cantoria do domingo, mas a torcida apoia demais. O time joga alegre com a torcida a favor", disse o atacante.

Citando Ronaldo e Ronaldinho como seus principais ídolos, o atacante evitou comentar a possibilidade de ser agenciado pela 9ine, agência de marketing esportivo de Ronaldo. "Meu foco é no Palmeiras, minha vida é o Palmeiras. Sou grato ao clube por tudo o que fez por mim. Abriu as portas para o meu sonho, estou conseguindo me realizar aqui. Sou feliz vestindo essa camisa, não tem como pensar em outra coisa", desconversou o atacante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.