Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Raça corintiana deixa Ponte Preta em alerta

A garra e a disposição dos jogadores do Corinthians são as grandes armas do time para se recuperar no do Campeonato Paulista. Quem acha isso é Estevam Soares, técnico da Ponte Preta, que será seu adversário domingo à tarde, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pelo grupo 1.Soares esteve no estádio do Pacaembu, quinta-feira, acompanhou a virada do Corinthians sobre o Juventus, por 3 a 2, e voltou impressionado. "Já é um novo time, com a garotada correndo muito e disposta a mostrar serviço para o novo treinador", comentou. Em cima destas observações, ele trabalhou o time em dois períodos nesta sexta-feira e confirmou ter dúvida com relação ao esquema tático. "Posso usar o 3-5-2 com um terceiro zagueiro ou o 4-4-2 com três volantes", admite Estevam, preocupado inicialmente em neutralizar os pontos fortes do adversário. Neste aspecto, o time campineiro tem correspondido, porque se mantém invicto em seis jogos.Mas a Ponte terá dois desfalques importantes na defesa: o zagueiro Gabriel, expulso na vitória de 1 a 0 sobre o América, está suspenso e Alexandre voltou a sentir uma contusão muscular. Rafael Santos e Luis Carlos, formados no próprio clube, são as primeiras opções. Para ganhar mais experiência é possível que Marcus Vinícius também reforce o setor. Alan, que já cumpriu suspensão, também é alternativa como terceiro zagueiro.No meio-campo, Piá volta no lugar de Kléber, após cumprir suspensão. O provável é que Rafael Ueta seja adiantado ao lado de Anselmo no ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.