Rafael espera retornar antes do previsto no Santos

Goleiro fraturou a perna direita em uma dividida no treino; ele quer voltar ainda no Campeonato Brasileiro

AE, Agencia Estado

30 de setembro de 2009 | 15h32

O jovem goleiro Rafael, de 19 anos, iniciou tratamento fisioterápico no Santos, nesta quarta-feira, após recuperação cirúrgica que surpreendeu os médicos do clube. A expectativa inicial era de que ele voltasse aos gramados no início do próximo ano, mas o jogador contesta a previsão. "Vou voltar antes", garante.

Veja também:

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Durante um treino técnico em 9 de setembro, o goleiro foi atingido por Domingos e fraturou os ossos da tíbia e fíbula da perna direita - a agressão resultou no afastamento do zagueiro, que foi para a Portuguesa.

Um dia após o incidente, Rafael foi operado e passou por uma osteosíntese (para reunir mecanicamente os fragmentos ósseos por intermédio de peça metálica). O médico Joaquim Grava previu que o atleta levaria cerca de um mês e meio para colocar os pés no chão, mas o período foi antecipado para 20 dias, iniciando então o trabalho de fisioterapia.

"O objetivo inicial é o Rafael ganhar amplitude dos movimentos da articulação do tornozelo, o reequilíbrio muscular dos membros inferiores e também fará exercícios de propriocepção, visando equilíbrio e treino de marcha para quando ele retirar as muletas", informou Avelino Buongermino, fisioterapeuta do Santos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.