Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Rafael Marques diz que Ricardo Oliveira é 'mau caráter' e 'mentiroso'

'Ele tem que aprender a respeitar meus companheiros', diz atacante

DANIEL BATISTA, Estadão Conteúdo

03 de dezembro de 2015 | 08h25

O Santos estava engasgado para os jogadores do Palmeiras, já que o time alvinegro venceu o Campeonato Paulista e o primeiro jogo da decisão, mas a revanche veio em grande estilo. E nenhum santista parece mais ter irritado os palmeirenses do que Ricardo Oliveira. O atacante Rafael Marques chegou a xingar o adversário e fez duras críticas ao seu comportamento.

Após o jogo, o atacante pegou uma máscara com o rosto do centroavante e disparou. "Foi pela falta de respeito que ele teve por nós. Ele tem que aprender a respeitar meus companheiros. Ele extrapolou no último jogo contra nós no Brasileiro. Isso mostra o quanto ele, além de ser mau caráter, também é mentiroso", disparou o atacante.

Dudu também não poupou críticas ao santista, que preferiu não dar entrevista depois da partida. "Desse cara eu nem falo. O cara fala que é pastor e faz uma coisa dessas, tenta humilhar as pessoas. Ele tem uma carreira brilhante e não precisa ficar falando essas coisas e se dizendo pastor para cobrir os erros dele", disparou o artilheiro da decisão, com dois gols marcados. Ele se refere à careta feita por Ricardo Oliveira após marcar um gol na vitória por 2 a 1 do Santos sobre o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, para provocar o goleiro Fernando Prass.

Dudu também mostrou mágoa pelo menosprezo ao Palmeiras por parte dos atletas do Santos. "Quando o Santos passou pelo São Paulo, eles falaram que iriam ser campeões. Falaram que iriam humilhar a gente nos dois jogos e as coisas não são assim. Futebol é dentro de campo e precisa ser jogado. Ano que vem, quando forem ganhar da gente, acho que não vão mais falar isso. E boa sorte para eles no Campeonato Paulista ano que vem. Eles estavam achando que iriam jogar a Libertadores e nos humilhar na decisão e não foi o que aconteceu. É preciso ter respeito e humildade na vida", completou.

Com o título da Copa do Brasil, o Palmeiras terá a oportunidade de disputar a Copa Libertadores do ano que vem. Já o Santos desperdiçou as duas chances de entrar na competição internacional, porque estava bem posicionado no Brasileirão, dentro do G4, mas passou a escalar time reserva na competição, ficou para trás na tabela e perdeu a oportunidade de selar sua vaga na Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.