Rafael Ratão é dispensado pelo Santos por indisciplina

Jogador de 18 anos disputava o Campeonato Paulista sub-20 e como tem os direitos vinculados à Ponte Preta, voltará ao clube

Estadão Conteúdo

07 de outubro de 2014 | 16h53

O Santos anunciou nesta terça-feira a ruptura do contrato de empréstimo do jovem Rafael Silva, o Rafael Ratão, de 18 anos, que estava nas categorias de base do clube da Vila Belmiro e vinha disputando o Campeonato Paulista Sub-20. O jogador, que tem os direitos vinculados à Ponte Preta, foi devolvido por conta de mau comportamento.

Rafael Ratão tinha vínculo com o Santos até o fim de 2015 e havia sido contratado como uma aposta da diretoria em agosto, mesmo em meio aos diversos problemas de indisciplina que já havia protagonizado em sua curta carreira. A diretoria santista não se manifestou sobre os episódios que levaram à dispensa.

Em contrapartida, o Santos receberá de volta o meia Léo Cittadini. Criado nas categorias de base e campeão da Copa São Paulo em 2013 com o time da Vila Belmiro, o jogador de 20 anos estava emprestado justamente à Ponte Preta como moeda de troca de Rafael Ratão.
Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCRafael Ratão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.