Washington Alves| Divulgação
Washington Alves| Divulgação

Rafael Sóbis exalta experiência do elenco na reação do Cruzeiro

'Jovens vão entender o que estamos falando uma hora'

Estadão Conteúdo

25 Agosto 2016 | 17h57

A vitória por 2 a 1 sobre o Figueirense na última rodada do Campeonato Brasileiro tirou o Cruzeiro da zona de rebaixamento. Foi o resultado de uma atuação segura do time mineiro, mesmo em meio à crise vivida pelo péssimo desempenho na competição e ampliada pela perda de Fábio, lesionado, pelo resto da temporada. Para o atacante Rafael Sóbis, a experiência de alguns jogadores fez a diferença.

"Nós chegamos há pouco tempo, apesar de muitos jogos é pouco tempo. Pela situação, temos que tentar levar da melhor forma possível, agarrar aos momentos positivos. Os jovens vão entender o que estamos falando uma hora. Temos que fazer a leitura certa do jogo e usar nossa experiência. Isso está rendendo frutos. Claro que ainda estamos na zona ruim. Ainda vamos crescer muito, mas pouco a pouco, com os mais experientes orientando os mais jovens, vamos crescendo dentro de campo", declarou nesta quinta-feira.

O último triunfo deve empolgar a torcida para comparecer em peso no confronto diante do Santa Cruz, que também luta contra o rebaixamento. Além de incentivar o time, os cruzeirenses devem ser levados ao Mineirão pelo horário da partida, 11 horas de domingo, que já caiu nas graças dos torcedores brasileiros desde que passou a ser adotado na competição.

"A atmosfera vai ser a melhor possível. Esperamos estar felizes quando der uma hora da tarde. Todos os jogos são essenciais, mas este é um confronto direto. Nós pagamos um pouco pelo começo do campeonato. Esperamos fazer valer o mando de campo, evoluir e conquistar os três pontos. Depois disso, vamos ganhar mais respeito e conseguir fazer coisas que a gente não conseguia fazer há quatro ou cinco jogos atrás", projetou Sóbis.

Mais conteúdo sobre:
futebol Campeonato Brasileiro Cruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.