Nelson Perez/Divulgação
Nelson Perez/Divulgação

Rafinha aposta em estilo versátil para ajudar o Fluminense

Surpresa da equipe no ano passado, jovem volante quer retribuir a confiança do técnico Cristóvão Borges nos jogos do Carioca 

Estadão Conteúdo

14 de fevereiro de 2015 | 15h42

Surpresa do Fluminense no jogo passado, Rafinha é uma das apostas do técnico Cristóvão Borges para o segundo tempo das partidas do time carioca neste Estadual. Volante de origem, ele também pode atuar mais avançado no meio-campo, dando apoio ao ataque. Foi com esta versatilidade que Rafinha quase deixou sua marca ao surpreender o Boavista jogando no ataque, na quinta-feira passada.

"Já joguei mais adiantado outras vezes e faço essa função sem problema algum, não escolho posição. Quero é mostrar serviço neste ano e poder ajudar mais o Fluminense", diz o volante/atacante, conhecido na base do Fluminense pela velocidade e pela boa visão de jogo.

Contra o Boavista, ele esteve perto de balançar as redes em um lance que mostra bem sua capacidade de prever boas jogadas. No segundo tempo da partida, ele entrou na área e tentou dar um drible longo no marcador. A bola sobrou para Fred, que acabou desperdiçando o lance.

"Tentei dar um elástico, mas vi o Fred. Pensei: ''Se errar a bola, vai cair no pé dele e, se der certo, eu faço o gol''. Infelizmente ele acabou perdendo, mas faz parte", ponderou Rafinha, de apenas 21 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.