Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Ralf volta a treinar no Corinthians após acidente e tem conversa com Carille

Volante deve retornar à equipe na partida contra o Goiás, quarta-feira, pelo Brasileirão

Redação, O Estado de S.Paulo

14 de outubro de 2019 | 13h21

O volante Ralf retornou aos treinos do Corinthians nesta segunda-feira três dias após se envolver em um acidente de carro. O jogador ficou fora da atividade de sábado e não foi relacionado para o clássico com o São Paulo, no domingo, pelo Brasileirão.

O clube não punirá Ralf pelo ocorrido na noite de sexta-feira. O jogador sofreu ferimentos leves e estava no veículo como passageiro. Segundo nota enviada pelo clube no sábado, "na tentativa de fugir de um assalto, o motorista que conduzia o automóvel perdeu controle e, infelizmente, atingiu uma pessoa e invadiu a garagem de uma casa". A vítima foi socorrida e passa bem.

"Não haverá nenhuma punição. Isso acontece. Ele sofreu um acidente e não estava dirigindo. Infelizmente essas coisas acontecem, e ele ficou fora porque acabou não treinando no sábado, teve que depor na delegacia, por isso a gente entendeu que era melhor ele não participar. Eu acho que foi o acidente. Não tem o que falar do Ralf, é um excelente profissional, há anos aqui, conhecemos muito bem e nunca deixou de correr em campo, se doar. Infelizmente foi um acidente e acabou ficando fora por conta de depoimento e não ter treinado sábado", disse o diretor de futebol do Corinthians Duílio Monteiro Alves.

Depois de perder para o São Paulo por 1 a 0, o time enfrentará o Goiás, na quarta-feira, fora de casa, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. No início dos trabalhos, Fábio Carille comandou um treino técnico em espaço reduzido, seguido de aprimoramento de finalizações. Ralf trabalhou normalmente e teve uma rápida conversa com o treinador durante a atividade.

Para a partida, o treinador espera contar com os retornos de Sornoza e Pedrinho, que estavam com as seleções. O equatoriano retorna nesta terça-feira. Pedrinho, que está com o time sub-23, tem seu último compromisso na noite desta segunda-feira e deve se juntar à delegação corintiana em Goiânia.

O Corinthians se manteve na quarta colocação do Brasileiro após o tropeço com 43 pontos. O São Paulo, no entanto, igualou a pontuação, mas fica atrás por causa do saldo de gols (11 a 10). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.