Ramadã pode custar titularidade de Sissoko na Juventus

O meio-campo malinês da Juventus de Turim Mohammed Sissoko confessa que se encontra "muito cansado" após mais de três semanas jejuando durante o dia por causa do mês sagrado do Ramadã, devido a sua fé islâmica. Dê seu palpite no Bolão Vip do LimãoSegundo a imprensa italiana, o jogador pediu desculpas a seus companheiros por sua má atuação no domingo passado, na vitória por 1 a 0 de sua equipe sobre o Cagliari, pelo Campeonato Italiano.Seu baixo rendimento se explica porque a partida foi disputada às 15 horas (locais), quando o volante estava há muitas horas sem comer.No mês sagrado do Ramadã, os muçulmanos têm de jejuar entre o amanhecer e o pôr-do-sol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.