Ramires se apresenta, mas diz que não está 100%

Aguardado na concentração da seleção brasileira em Londres desde a noite de sábado, o volante Ramires enfim se apresentou ao grupo de Luiz Felipe Scolari neste domingo. O jogador do Chelsea, contudo, tem poucas chances de entrar em campo no amistoso com a Rússia, na segunda-feira.

ALMIR LEITE, Agência Estado

24 de março de 2013 | 10h24

Ramires se apresentou acompanhado da médica do Chelsea, Eva Carneiro, e revelou que ainda não está 100% para entrar em campo. Ele se recupera de uma contusão que o deixou de fora do amistoso da seleção com a Itália, na quinta-feira, na Suíça.

"Eu fiz tratamento todos estes dias, pela manhã e à tarde, mas músculo é complicado. Ainda não está legal", declarou o volante antes de ser avaliado pelo médico da seleção, José Luiz Runco.

Ramires sofreu uma lesão muscular na coxa direita durante partida do Chelsea, na semana passada, e tem poucas chances de entrar em campo no jogo desta segunda, no Stamford Bridge, estádio do Chelsea.

Se o seu corte for confirmado, será a quarta baixa sofrida por Felipão nesta sequência de dois amistosos na Europa. Antes de Ramires, o treinador perder o zagueiro Dedé, o volante Paulinho e o atacante Lucas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção brasileiraRamires

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.