Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Raul Gustavo comemora chances no Corinthians e pede 'punição severa' ao racismo

Zagueiro deve ser titular no duelo com o Fortaleza, neste domingo, pelo Brasileirão

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2022 | 20h31

O técnico Vitor Pereira acena com um time alternativo para receber o Fortaleza, neste domingo, na Neo Química Arena. Mas o zagueiro Raul Gustavo mais uma vez estará entre os titulares. Ganhando cada vez mais oportunidades após um tempo apenas figurando entre os reservas, ele não se considera novo dono da posição, prega que o mais importante é colaborar, mas se coloca duro quando o assunto é o racismo.

"Trabalho forte todos os dias para isso: quando a oportunidade surgir, você agradar o professor e sair vitorioso", diz. "Fiquei muito feliz de ajudar o Corinthians que é o que importa, mas não me coloco como titular ainda, prefiro achar que o professor vai optar por quem estiver melhor nos jogos."

Ele e Gil devem formar a defesa diante do Fortaleza, com João Victor ganhando um descanso após desgastante batalha com o Boca Juniors, na Libertadores. Renato Augusto, Cássio, Fagner, Fábio Santos, William e Jô também devem ser poupados. Neste jogo contra os argentinos, um torcedor rival imitou um macaco para os paulistas. A lamentável cena ainda ocorreu em outros jogos de times brasileiros, o que deixou Raul Gustavo horrorizado.

"Todos os momentos que a gente vem jogando, estamos sofrendo com isso (racismo), os outros clubes, é uma situação muito delicada. Tem de ter uma punição mais severa, não faz parte do futebol. Eu nem vou citar mais, temos que tomar providências", cobrou o defensor.

"Não poderia ser comentado mais, é um assunto com o qual fico muito triste. O futebol tem que espalhar alegria para a torcida que acompanha, para as pessoas apaixonadas. Racismo é muito triste", reprovou. "Temos que nos unir. Igual o Corinthians fez a campanha de futebol sem ódio. Peço para ninguém aceitar isso, muito triste para a gente, machuca, porque sofremos todos os dias."

O Corinthians ainda faz mais um treino neste sábado, mas não devem ocorrer mudanças e a provável escalação de domingo terá Ivan; Rafael Ramos, Gil, Raul Gustavo e Lucas Piton; Cantillo, Paulinho, Giuliano e Gustavo Mantuan; Roger Guedes e Junior Moraes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.