Robert Michael/ AFP
Robert Michael/ AFP

RB Leipzig leva virada do Colônia no final e perde para o lanterna no Alemão

Equipe de Colônia conquista apenas quarta vitória e com 17 pontos segue na última posição

Estadão Conteúdo

25 de fevereiro de 2018 | 16h18

O RB Leipzig tinha a chance de terminar o domingo na vice-liderança do Campeonato Alemão. No entanto, vacilou em casa, na Red Bull Arena, em Leipzig, e perdeu de virada por 2 a 1 para o Colônia, lanterna do torneio, pela 24.ª rodada da competição.

+Schalke bate o Leverkusen fora de casa e sobe para a terceira posição no Alemão

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Alemão

A quarta vitória do Colônia em todo o campeonato não é suficiente para tirar o time da 18.ª e última posição, mas ao menos dá moral para as próximas rodadas e reacende a esperança de permanecer na elite do futebol alemão. No momento, o clube de Colônia tem 17 pontos e está a oito do Wolfsburg, primeiro fora da zona de rebaixamento.

Além de não poder reassumir a segunda posição, o RB Leipzig, estacionado nos 38 pontos, foi ultrapassado pelo Schalke 04, que derrotou o Bayer Leverkusen, e caiu para a sexta posição, fechando a zona de classificação à Liga Europa e ficando a um ponto do Eintracht Frankfurt, última equipe dentro do grupo que garante vaga à Liga dos Campeões da Europa.

O tropeço ganha ainda mais proporção pelas circunstâncias da partida: gol do RB Leipzig logo aos cinco minutos, marcado por Augustin, arena lotada e domínio sobre o adversário, que havia finalizado apenas uma vez em 45 minutos.

No segundo tempo é que a zebra passeou. Sem nada a perder, o Colônia foi para cima e apertou o time da casa, que levou dois gols em sete minutos. Aos 25, o francês Koziello empatou a partida e, aos 32, o alemão Leonardo Bittencourt, após bela jogada Risse na lateral direita, mandou para a rede para dar a vitória ao Colônia.

A rodada será encerrada nesta segunda-feira com o duelo entre o vice-líder Borussia Dortmund e o Augsburg, 10.º colocado, no Westfalenstadion, em Dortmund.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.