R.Carlos:Fifa não entende de futebol

O lateral-esquerdo Roberto Carlos, do Real Madrid, mostrou-se indignado ao tomar conhecimento da queda da seleção brasileira para o segundo lugar no ranking mundial. O jogador da equipe espanhola criticou duramente a decisão. "Os dirigentes da Fifa não tem nenhuma idéia de futebol", comentou, sobre os critérios adotados pelo organismo máximo do esporte, que elevou a França à liderança do ranking. "Mas não fico demasiadamente surpreso, sabendo de onde vem a medida", protestou. "Na Fifa, ninguém entende de futebol e nenhum deles lá dentro já jogou uma partida sequer", continuou. "Vice-campeão mundial com a seleção brasileira em 1998, Roberto Carlos não concorda com o posto assumido pelos franceses, que derrotaram justamente a equipe comandada pelo técnico Zagallo por contundentes 3 a 0 na última Copa. "A França é uma grande seleção, que ganhou um Mundial e uma Eurocopa, no ano passado, mas o Brasil já conquistou quatro Mundiais", justificou o lateral. "É um fato que não tem razão de ser", emendou. "Agora, porém, isto servirá para o Brasil jogar ainda mais no seus próximos compromissos e terão de nos devolver o título de número um do mundo." Segundo o atleta, os últimos resultados da seleção nacional, assim como os problemas de passaportes falsos de jogadores brasileiros na Europa não contribuíram para a perda da liderança. "Creio que são coisas distintas", disse. "Eu penso que se cansaram de ver o Brasil sempre no topo da lista mundial desde a Copa dos Estados Unidos, em 1994. Na verdade, somos os primeiros do mundo e terão de reconhecer isto em breve." Apesar de não ter sido chamado nas últimas convocações, Roberto Carlos ainda espera voltar a vestir a camisa verde-e-amarela e elogia o trabalho do técnico da seleção. "Emerson Leão sabe o que está fazendo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.