Jose Coelho/EFE
Jose Coelho/EFE

Real Madrid anuncia a contratação do zagueiro brasileiro Éder Militão

Segundo a imprensa europeia, negócio entre o clube espanhol e o Porto foi fechado por 50 milhões de euros (R$ 215 milhões)

Redação, O Estado de S.Paulo

14 de março de 2019 | 08h28

O Real Madrid anunciou na manhã desta quinta-feira, 14, a contratação do zagueiro Éder Militão. O brasileiro assinou vínculo por seis temporadas e se torna o primeiro reforço da nova passagem de Zinedine Zidane pelo clube. Segundo a imprensa europeia, o negócio com o Porto foi fechado por 50 milhões de euros (R$ 215 milhões). O São Paulo, como dono de 10% dos direitos federativos mais 3,5% dos direitos de clube formador, vai lucrar cerca de R$ 29,2 milhões com a negociação.

Militão, de 21 anos, assinou contrato até 2025 com o Real Madrid. O defensor estava em sua primeira temporada no Porto, que o havia adquirido junto ao São Paulo em julho de 2018. Nesse período, conseguiu conquistar a titularidade no tradicional clube português - são 34 jogos disputados, com três gols marcados. Além disso, foi convocado por Tite para a seleção brasileira - fará parte do grupo que vai disputar os amistosos contra Panamá e República Checa nas Datas Fifa de março. E fez a sua estreia em setembro, durante amistoso contra El Salvador.

A polivalência de Militão no sistema defensivo chamou a atenção do Real Madrid, pois o brasileiro pode ser escalado como zagueiro e volante. E o clube espanhol destacou outras virtudes que enxerga no jogador. "Destaca por sua rapidez, colocação e capacidade de antecipação. Além disso, possui um bom jogo aéreo", disse o Real em nota publicada no seu site oficial. 

Formado nas divisões de base do São Paulo, Militão fez a sua estreia entre os profissionais com 19 anos, em maio de 2017. Pouco mais de um ano depois, já acabou sendo negociado com o Porto. E agora se tornará jogador do Real Madrid a partir da temporada 2019/2020.

No clube espanhol, Militão terá a concorrência de Carvajal na disputa pela titularidade da lateral direita. Caso Zidane pretenda utilizá-lo como zagueiro, precisará conquistar espaço em uma posição que tem Sergio Ramos e Varane como titulares absolutos, sendo que Nacho é, hoje, o reserva imediato da dupla.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.