Pierre-Philippe Marcou| AFP
Pierre-Philippe Marcou| AFP

Real Madrid anuncia renovação e Bale fica no Bernabéu até 2022

Vínculo anterior garantia o galês até 2019

Estadão Conteúdo

30 Outubro 2016 | 10h36

Com dois títulos da Liga dos Campeões da Europa em apenas três temporadas no clube, Gareth Bale foi recompensado. Neste domingo, o Real Madrid soltou breve comunicado para anunciar a renovação do contrato do atacante galês até 30 de junho de 2022, ampliando por três anos o antigo acordo, que ia até meados de 2019.

Apesar de ter custado cerca de 100 milhões de euros (R$ 352 milhões) em 2013, na transferência mais cara do futebol até hoje - o Real divulgou inicialmente que o custo seria de 91,5 milhões (R$ 322,1 milhões) -, Bale foi especulado em diversos outros clubes nas últimas janelas de transferências. Rumores o ligaram a times como Paris Saint-Germain e Manchester United.

O Real Madrid, entretanto, sempre deixou claro que contava com o galês, que, ao renovar seu contrato, vai receber aumento. De acordo com a imprensa espanhola, ele só vai ganhar menos, no elenco do Real, do que Cristiano Ronaldo.

Nas últimas semanas, o clube espanhol começou um movimento para renovar os contratos dos seus jogadores. Toni Kroos, Luka Modric e Lucas Vázquez foram os primeiros. A situação mais urgente é do português Pepe, cujo contrato expira no fim da atual temporada. Há rumores de que ele já acertou para jogar por um ano a mais no Santiago Bernabéu. Já Cristiano Ronaldo tem contrato até 2018 e negocia para ficar até 2021.

Ao renovar, Bale se torna, junto com Kroos, o jogador com o contrato mais longo no elenco do Real Madrid. Se ficar até 2022, vai completar nove anos no clube. No Santiago Bernabéu, ele ganhou a Liga dos Campeões em 2014 e 2016, a Copa do Rei em 2014 e o Mundial de Clubes daquele mesmo ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.