Real Madrid e Barcelona vencem pelo Espanhol

Time de Madri vence o clássico diante do Atlético por 2 a 0; Barça sofre, mas bate o Racing

Efe

20 de janeiro de 2008 | 20h50

O Barcelona venceu neste domingo o Racing de Santander por 1 a 0, no Camp Nou, pela 20.ª rodada do Campeonato Espanhol, e se manteve na vice-liderança da competição, com 43 pontos. A equipe do técnico Frank Rijkaard voltou a apresentar um futebol de resultados, abrindo mão do espetáculo ao qual seus torcedores já estavam acostumados. Veja também: Classificação / Calendário / Resultados Lento e preguiçoso, o Barça custou a entrar no jogo, e passou os primeiros 30 minutos sem conseguir superar a marcação do Racing. Foi somente aos 31 que a equipe despertou de sua letargia, em jogada esperta de Henry, que se aproveitou de um erro do zagueiro César Navas para marcar o primeiro e único gol do Barça, que com o resultado se manteve a 7 pontos do líder Real Madrid.O Real, por sua vez, desferiu hoje um duro golpe em seu rival Atlético de Madrid, ao vencer o clássico da capital espanhola por 2 a 0. A vitória do Real começou a ser construída com apenas 31 segundos de jogo, pelos pés do atacante brasileiro Robinho, que, após uma jogada que parecia perdida, recuperou a bola do zagueiro Pablo Ibañez, deu um drible e tocou nos pés de Raúl González, que botou no canto, sem defesa para o goleiro Abbiati.A partir daí, o Atlético passou a pressionar em busca do empate, apoiado por sua torcida. Foi o Real, no entanto, que terminou ampliando. Após um córner cobrado por Sneijder, Ruud van Nistelrooy emendou de primeira, no ângulo de Abbiati. Com a vitória, o Real Madrid chega aos 50 pontos, e se isola ainda mais na liderança do Campeonato Espanhol.Por sua vez, o Valladolid venceu hoje o Espanyol, uma das revelações da temporada, por 2 a 1, e chegou à sétima colocação. Os dois gols da equipe foram marcados pelo atacante Joseba Llorente, sendo o primeiro com apenas oito segundos de jogo, o segundo gol mais rápido da história do Campeonato Espanhol. Torrejón descontou para o Espanyol. Já o Almería se afastou da zona de rebaixamento ao vencer em casa o Deportivo La Coruña por 1 a 0. A equipe anfitriã foi superior durante praticamente toda a partida, mas teve dificuldades para traduzir em gols seu maior volume de jogo. Ao fim, um gol de Polido, aos 42 minutos do segundo tempo, valeu ao time três importantes pontos, que lhe valeram a décima colocação.O Zaragoza, décimo primeiro colocado, bateu o Murcia por 3 a 1, e afundou ainda mais a equipe, que com a derrota de hoje caiu para o décimo oitavo lugar. A partida marcou a estréia do novo técnico do Zaragoza, Ander Garitano, no estádio La Romareda.Apesar das desconfianças iniciais da torcida, a equipe da casa apresentou um bom futebol, e chegou ao triunfo com gols do atacante brasileiro Ricardo Oliveira e do atacante argentino Diego Milito, que marcou duas vezes. Ivan Alonso descontou para o Múrcia.Por sua parte, o Osasuna conseguiu uma importante vitória sobre o Athletic Bilbao, por 2 a 0, com gols do atacante cabo-verdiano Dady e do mexicano Vela. As duas equipes brigam para se afastar da zona de rebaixamento. Com a vitória de hoje, o Osasuna chegou aos 23 pontos, na décima quarta posição. Já o Athletic permanece com 22, no décimo quinto lugar.Bétis e Recreativo ficaram no empate, em 1 a 1, resultado que deixou o Recreativo na beira do abismo do rebaixamento, na décima sétima colocação, com 22 pontos, mesmo número que o Murcia, décimo oitavo, que é superado, no entanto, no saldo de gols. O gol do Bétis foi marcado pelo atacante brasileiro Edu, ex-São Paulo.Na outra partida do domingo, o lanterna Levante empatou com o Mallorca em 2 a 2. O Levante conquistou apenas 9 pontos em 20 rodadas, e está seriamente ameaçado pelo fantasma do rebaixamento. No sábado, o Villarreal goleou por 3 a 0 o Valencia, com gols do francês Robert Pires, do espanhol Capdevila e do turco Nihat Kahveci. Na outra partida disputada no sábado, o Getafe surpreendeu e venceu o Sevilla por 3 a 2. Os gols do Getafe foram feitos por Javier Casquero, Juan Albín e Cosmin Contra. O atacante brasileiro Luís Fabiano e o sérvio Ivica Dragutinovic descontaram para o Sevilla.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.