Real Madrid joga de olho no Valencia

Com todas as suas estrelas em campo, o Real Madrid jogará neste sábado fora de casa, contra o Albacete, para não dar chance de o Valencia assumir a liderança. O time de Ronaldo e Roberto Carlos lidera com 64 pontos, um a mais que o Valencia - que domingo receberá o lanterna Murcia. A ESPN Brasil mostrará a partida ao vivo, às 15h."Temos que fazer nossa obrigação e vencer, para manter a pressão sobre os nossos perseguidores. Dependemos só de nossos resultados para chegar ao título e isso é o melhor que pode acontecer a uma equipe", afirmou o técnico do Real, Carlos Queiroz.Faltam oito rodadas para o final do campeonato e o Real fará metade dos jogos em casa. Para o zagueiro Pavón, se o time tiver 100% de aproveitamento nas partidas em seu estádio, garantirá o título com dois triunfos como visitante.O treinador preferiu não comentar esse cálculo, dizendo que a equipe jogará para vencer todas as partidas que lhe restam. O Real despertou com a volta de Ronaldo - que ficou duas semanas e meia sem jogar por causa de um estiramento muscular na coxa esquerda - e fez nove gols nas últimas duas partidas. Bateu o Monaco por 4 a 2 no jogo de ida das quartas-de-final da Liga dos Campeões e enfiou 5 a 1 no Sevilla pelo Campeonato Espanhol. E o brasileiro marcou três gols nesses jogos e chegou a 31 na temporada .Na terça-feira, o Real fará o jogo de volta contra o Monaco e poderá perder por um gol de diferença para garantir vaga nas semifinais da Liga dos Campeões, contra o vencedor de Arsenal e Chelsea.O Albacete está no bloco dos que lutam contra o rebaixamento - é o 15º colocado, com 36 pontos. O ex-santista Fabiano começará jogando."Podemos conseguir um bom resultado, mas não será nada fácil. Teremos que jogar tudo o que podemos e esperar que o Real Madrid não esteja num bom dia", disse o técnico César Ferrando.O Barcelona receberá o Villarreal neste sábado - com transmissão da ESPN Internacional às 17h - e se vencer igualará seu recorde de 10 vitórias seguidas no Campeonato Espanhol. A equipe não joga na competição há duas semanas, porque sua partida da rodada passada, contra o Betis, em Sevilha, foi adiada para o dia 14 por causa da chuva.Ronaldinho Gaúcho e Saviola, que no meio da semana estiveram com suas seleções para a rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, estão escalados.Mas no clube há um clima de revolta contra o técnico argentino Marcelo Bielsa, que fez o atacante Saviola encarar 14 horas de viagem na ida e mais 14 na volta para não jogar sequer um minuto pela seleção de seu país.Na outra partida deste sábado, o Sevilla receberá o Espanyol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.