Real Madrid joga mal, mas vira para cima do Espanyol

Gol de pênalti de Raul - o de número 200 no Espanhol -, no segundo tempo, garantiu a vitória merengue

EFE

08 de março de 2008 | 18h49

Ainda sob os efeitos da eliminação da Liga dos Campeões, o Real Madrid precisou suar muito para superar o Espanyol por 2 a 1 neste sábado, de virada, pela 27.ª rodada do Campeonato Espanhol. Veja também: Classificação / Próximos jogos / Últimos resultadosDe volta ao mesmo Santiago Bernabéu que viu o time ser eliminado pela Roma, o Real foi a campo com muitos desfalques, entre eles o lateral-direito Sergio Ramos e o atacante holandês Ruud van Nistelrooy. O Espanyol soube conter as investidas do atacante brasileiro Robinho - titular, assim como o lateral-esquerdo Marcelo e o meia-atacante Júlio Baptista - e abriu o placar aos 30 minutos, com Valdo cabeceando livre de marcação após escanteio de Luis García. A equipe da casa deixou tudo igual aos 42, com Higuaín completando cruzamento de Marcelo pela esquerda. Robinho, por sua vez, parecia não estar completamente recuperado de sua lesão num músculo do abdome. Ele acabou substituído no intervalo. A virada do Real veio aos 29, em pênalti convertido por Raúl. Foi o gol número 200 do atacante em partidas do Campeonato Espanhol, todos pelo Real. O líder é Telmo Zarra, que marcou 251 vezes pelo Athletic de Bilbao entre 1940 e 1955. O resultado deixou o Real Madrid na ponta, com 62 pontos - oito à frente do Barcelona, que encerra a rodada neste domingo contra o Villarreal em casa. 

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato EspanholReal Madrid

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.