Nicolas Bouvy/EFE
Nicolas Bouvy/EFE

Real Madrid obtém empréstimo para pagar contratações

Clube espanhol US$ terá que pagar mais de US$ 200 milhões pelas contratações de Kaká e Cristiano Ronaldo

Agencia Estado

16 de junho de 2009 | 11h58

O Real Madrid receberá dois empréstimos milionários para financiar as contratações de Kaká e Cristiano Ronaldo, além de qualquer outro reforço para a próxima temporada. O clube anunciou na última semana o acerto para ter o brasileiro, que estava no Milan, por US$ 92 milhões e do português, que pertencia do Manchester United, por US$ 131 milhões.

Veja também:

linkCristiano Ronaldo escapa acusação por acidente com Ferrari

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O banco espanhol Caja Madri aceitou dar um empréstimo de 76,5 milhões de euros ao clube, que colocou duas fontes não reveladas como garantia. O Banco Santander também aprovou um empréstimo semelhante ao Real Madrid.

A ministra da Economia da Espanha, Elena Salgado, disse nesta terça-feira que lhe parece estranho que a Caja Madrid possa emprestar tanto dinheiro para o Real Madrid no momento em que diminuíram ações semelhantes para pessoas físicas e empresas.

"Me surpreende e o que eu pediria aos bancos é que se têm liquidez que também concedam créditos para pequenas e médias empresas, além de famílias. Peço simplesmente que façam um esforço por eles", disse.

Elena Salgado afirmou considerar que a cifra de US$ 131 milhões, acertada entre Real Madrid e Manchester United por Cristiano Ronaldo, "escapa um pouco das dimensões do que eu posso considerar".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.