Rodrigo Jiménez/EFE
Rodrigo Jiménez/EFE

Real Madrid tenta obter vaga na volta de Neymar ao PSG na Liga dos Campeões

Atacante brasileiro faz sua estreia na atual edição do torneio nesta terça-feira, em Madri

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

26 de novembro de 2019 | 04h31

A Liga dos Campeões da Europa inicia nesta terça-feira a quinta rodada da fase de grupos, mas apenas agora duas estrelas mundiais vão estrear na competição. O atacante Neymar, até então desfalque do Paris Saint-Germain por suspensão e lesão, vai entrar em ação pela primeira vez no torneio pelo time francês nesta temporada, assim como José Mourinho, recém-contratado pelo Tottenham, vai dirigir o time inglês diante do Olympiacos.

Com 100% de aproveitamento, o PSG é um dos times classificados antecipadamente às oitavas de final da Liga dos Campeões - os outros são o Bayern de Munique e a Juventus. Ainda assim, o duelo desta terça-feira, às 17 horas (de Brasília), é um importante teste para Neymar, que fez seu retorno aos gramados na última sexta, em partida diante do Lille, e soma dez jogos disputados nesta temporada, sendo seis pelo PSG, com cinco gols marcados.

Ainda sem Neymar, o time parisiense fez 3 a 0 sobre o Real Madrid, no Parque dos Príncipes, um resultado que colocou sob pressão o time espanhol e Zinedine Zidane, o seu treinador. Agora, além da vingança, vão buscar a classificação antecipada às oitavas de final - estão em segundo lugar no Grupo A com sete pontos, com cinco de vantagem para o Brugge, que visitará o Galatasaray no outro duelo da chave, às 14h55.

Após um começo ruim, o Real Madrid mostrou reação e agora tentará parar Neymar e Mbappé, embora Zidane tenha garantido que não os teme. "Eu acho que os dois vão jogar. Estamos preparados para jogar diante de qualquer um", disse o treinador, reconhecendo que o jogo não será nada fácil para o Real Madrid, uma vez que o PSG faz um ótimo início de temporada. “É um time que ainda não teve fracassos. Só perdeu um ou dois jogos no Campeonato Francês. É um time em progressão, magnífico. Um dos melhores do mundo. É o jogo mais importante da temporada porque o adversário é muito bom. Vamos precisar de coração e cabeça, acima de tudo de futebol”, comentou.

Zidane não escondeu a admiração que tem por Mbappé, nome sempre veiculado ao Real Madrid nas janelas de transferências internacionais. “Eu gosto dele há muito tempo, primeiro como pessoa, pois ele veio fazer um teste aqui há alguns anos, e depois como jogador”, afirmou o francês.

Uma dúvida no Real envolve a utilização de Rodrygo, sensação do momento, e de Valverde, dois jovens jogadores do elenco merengue, juntos. “Valverde e Rodrygo mostraram que estão preparados para jogar no Real Madrid, fazer parte da equipe e tiveram suas oportunidades e se saíram bem. Não me surpreende, apesar de jovens, eles têm energia e desejam progredir”, disse Zidane.

 

MOURINHO ESTREIA NO TOTTENHAM

Em busca da confiança dos torcedores do seu novo clube, Mourinho vai conhecer nesta terça-feira o Tottenham Hotspur Stadium. E colocar a equipe nas oitavas de final da Liga dos Campeões pode ser um bom primeiro passo para isso.

Três dias depois de guiar o Tottenham à vitória no Campeonato Inglês sobre o West Ham, na primeira partida desde que substituiu Mauricio Pochettino, Mourinho agora vai trabalhar no estádio do clube, diante do Olympiacos, às 17h. Uma vitória garante a classificação antecipada no Grupo B, ao lado do Bayern de Munique, que no mesmo horário visitará o Estrela Vermelha.

Concluiria uma semana decente para Mourinho, que busca reconstruir sua reputação de treinador depois de uma passagem complicada e decepcionante por duas temporadas e meia pelo Manchester United que terminou quase 12 meses atrás. Agora, busca brilhar pelo Tottenham, que foi finalista da Liga dos Campeões na temporada passada, quando perdeu para o Liverpool.

   

Mourinho disputou a decisão com o Porto e a Inter de Milão, vencendo a partida pelo título nas duas ocasiões, o que o faz sonhar em se tornar o primeiro técnico a ganhar o torneio por três clubes diferentes - todos de diferentes países. Após a conquista de 2010 pelo clube italiano, as oportunidades em que esteve mais perto disso foi em 2011, 2012 e 2013, quando parou nas semifinais, sempre pelo Real Madrid.

ATLÉTICO PEGA CR7 DESCANSADO

Buscando uma vitória para avançar junto com a Juventus no Grupo D, o Atlético de Madrid está bem ciente dos perigos de encarar Cristiano Ronaldo descansado. Foi assim que ele definiu o confronto entre os clubes nas oitavas de final na temporada passada, quando marcou os gols da vitória por 3 a 0, após derrota por 2 a 0 na Espanha.

Cristiano Ronaldo voltou a descansar no fim de semana, na vitória da Juventus por 3 a 1 sobre a Atalanta, se recuperando de um problema no joelho. Com dez pontos, três a mais do que o Atlético, o time italiano conta com o craque português para garantir o primeiro lugar do grupo antecipadamente, no duelo marcado para 17h, em Turim. Às 14h55, na Rússia, o Lokomotiv Moscou receberá o Bayer Leverkusen - ambos estão com três pontos.

CITY BUSCA VAGA SEM AGÜERO

 Precisando de um empate para se classificar na Liga dos Campeões, o Manchester City, líder do Grupo C com dez pontos, recebe o Shakhtar Donetsk (segundo colocado, com cinco), às 17h. O time não poderá contar com o argentino Agüero, que sofreu uma lesão muscular na perna esquerda. No mesmo horário a Atalanta (1 ponto) receberá o Dínamo Zagreb (5) no San Siro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.