Real não assusta brasileiros do Lyon

Quando as equipes do Lyon e do Real Madrid entrarem em campo nesta terça-feira, na França, para a primeira rodada da Liga dos Campeões da Europa, o maior torneio de clubes do mundo, uma disputa paralela estará ocorrendo entre a legião brasileira do time francês e a armada de brasileiros do clube espanhol. De um lado, Ronaldo, Robinho, Júlio Baptista, Roberto Carlos e o técnico Vanderlei Luxemburgo. E, pelos donos da casa, estão Claudio Caçapa, Juninho Pernambucano, Cris e Fred. "Nós fazemos nosso trabalho e sabemos que vamos jogar contra um grande time. Mas os brasileiros do Lyon não têm nenhum complexo deinferioridade em relação aos brasileiros do Real", avisou o zagueiro Claudio Caçapa, que é capitão do time francês.Quando Claudio Caçapa chegou ao Lyon, há 5 anos, o clube vivia um jejum de títulos. E hoje, graças principalmente ao talento dos jogadores brasileiros, conquistou o inédito tetracampeonato francês.A quantidade de brasileiros que poderão estar em campo nesta terça-feira é motivo de comentários até mesmos dos próprios atletas. "Quase já podemos fechar um jogo entre nós", brincou Claudio Caçapa. Mas será o possível duelo entre os dois novatos que deve chamar a atenção. Fred, ex-Cruzeiro, tenta evitar as comparações com Robinho, ex-Santos. "O jogo é entre o Lyon e o Real e temos que pensar na força do grupo", disse o atacante do time francês.No Lyon, não há segredo de que Fred é a aposta de gols, apesar de ele ainda não estar confirmado entre os titulares. Mas, depois de sua estréia no time, marcando dois gols na vitória sobre o Monaco, no sábado, o atacante brasileiro deve jogar contra o Real.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.