Real pagaria 65 milhões de euros por Cristiano Ronaldo

O candidato à presidência do Real Madrid, Juan Miguel Villar Mir, estaria disposto a pagar 65 milhões de euros ao Manchester United pelo atacante Cristiano Ronaldo, informa nesta sexta-feira o diário esportivo português A Bola. De acordo com a reportagem, o atleta fecharia um contrato de quatro anos, e receberia quatro milhões de euros por temporada.Se vier a ser concretizada, a transação seria a segunda maior da história, inferior apenas à negociação envolvendo a transferência de Zinedine Zidane da Juventus ao Real Madrid, em 2001, fechada em 75,1 milhões de euros.O diário assinalou que a candidatura de Villar Mir entrou em contato apenas com o representante do jogador, Jorge Mendes, que conta com a plena confiança do atleta e tem respaldo para negociar seu futuro profissional. Segundo a reportagem, o candidato parece disposto a resolver a transferência pela via rápida e evitar um confronto direto com o clube inglês, que recentemente, em comunicado, negou qualquer tipo de negociação do atacante e ressaltou que Cristiano Ronaldo "tem contrato com o clube até 2010 e será jogador do Manchester na próxima temporada".O jornal destacou ainda que o também candidato à presidência do clube mais badalado do mundo, Ramón Calderón, entrou em contato com Jorge Mendes e mostrou interesse na contratação do jogador português.Cinco candidatos disputam, no próximo domingo (2 de julho), a presidência do Real Madrid. As principais promessas de campanha giram em torno de contratações de peso, envolvendo jogadores consagrados e cifras milionárias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.