Rui Vieira/AP
Rui Vieira/AP

Rebaixado, Stoke City anuncia demissão do técnico Paul Lambert

Treinador se despediu do clube após conquistar apenas duas vitórias em 15 jogos no comando da equipe

Estadão Conteúdo

18 de maio de 2018 | 14h46

Duas semanas após ser rebaixado no Campeonato Inglês, o Stoke City anunciou nesta sexta-feira a demissão do técnico Paul Lambert. O treinador se despediu do clube após conquistar apenas duas vitórias em 15 jogos no comando da equipe. A péssima sequência de resultados derrubou o time após uma série de dez anos na primeira divisão inglesa.

+ Confira a classificação do Campeonato Inglês

Lambert assumira a equipe já em baixa. Ele foi contratado em janeiro, com vínculo de dois anos e meio, para substituir o demitido Mark Hughes. Com a missão de evitar o rebaixamento, o treinador até começou bem ao estrear com vitória sobre o Huddersfield. Mas depois acumulou uma sequência de tropeços. O outro triunfo foi conquistado sobre o Swansea, no fim de semana passado, quando a equipe já estava rebaixada.

"Ele não conseguiu liderar a equipe para permanecer na primeira divisão. Mas isso não foi por falta de esforço, profissionalismo ou dedicação de sua parte", disse o clube, ao confirmar a saída do treinador de 48 anos.

Lambert é o quinto treinador a deixar uma equipe ao fim do Campeonato Inglês. Antes dele, saíram Arsène Wenger (Arsenal), Sam Allarydce (Everton), David Moyes (West Ham) e Carlos Carvalhal (Swansea).

Com o fim da temporada europeia, o Stoke ainda não definiu o nome do técnico que comandará a equipe na próxima, a partir de agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato Inglês de Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.