Gabriel Ferrari/Guarani Press
Gabriel Ferrari/Guarani Press

Recém-chegado, técnico Maurício Barbieri já muda a rotina do Guarani

Novo treinador do Bugre prefere treinos em campo reduzido, sendo contra a realização dos tradicionais coletivos

Estadão Conteúdo

22 Fevereiro 2017 | 21h06

Maurício Barbieri, novo técnico do Guarani, já mostrou em três dias de trabalho que pretende mudar muitas coisas no time para a sequência do Campeonato Paulista da Série A2. Ele já sinalizou algumas prováveis alterações para o jogo contra o Juventus, sábado, ás 16 horas, na Ria Javari, pela sétima rodada.

Na verdade, os próprios jogadores já sentiram a diferença de comando na forma de trabalhar. Barbieri tem forçado nos treinos em campo reduzido e já afirmou ser contra treinos coletivos. O elenco tem aprovado seus métodos e a expectativa é de que o time cresça de produção nas próximas rodadas.

O Guarani ocupa a quinta posição, com dez pontos, e precisa ficar entre os quatro primeiros para depois brigar pelas duas vagas de acesso à elite em 2018. Este é o objetivo traçado pela diretoria e para o primeiro quadrimestre.

Em relação ao time, a principal novidade pode ser a entrada do meia Bruno Nazário desde o início do jogo. Denis Neves também deve ser efetivado na lateral esquerda no lugar de Gilton. O atacante Eliandro voltou aos treinos após uma cirurgia de artroscopia no joelho direito e pode ser opção no banco de reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.