Matteo Bazzi/EFE
Matteo Bazzi/EFE

Recuperado de lesão, Cristian Zapata vislumbra Colômbia na decisão da Copa

Zagueiro do Milan sonha alto antes do início da Copa do Mundial da Rússia

Estadão Conteúdo

11 Junho 2018 | 17h42

O zagueiro Cristian Zapata comemorou nesta segunda-feira a recuperação plena de sua lesão muscular na perna esquerda, que ameaçou sua participação pela seleção colombiana na Copa do Mundo da Rússia.

+ Pékerman chama Farid Díaz para lugar do lesionado Fabra na seleção da Colômbia

+ Roberto Carlos e Cafu colocam Brasil como 'franco favorito' para vencer a Copa

"Tive um problema antes de terminar a temporada com o Milan. Foi uma pequena lesão e felizmente consegui me recuperar", disse em coletiva no Centro de Treinamento do Milan, onde a Colômbia se prepara para a disputa do Mundial.

O jogador agora trabalha para que o técnico José Pekerman possa colocá-lo no time titular. A seleção colombiana está no Grupo H e estreia na Copa na outra terça-feira, dia 19, contra o Japão, na cidade de Saransk.

"Teve um momento que achei que seria complicado, mas me dediquei e graças a Deus consegui chegar. Estou superando muito bem minha lesão e estou trabalhando com o restante do grupo. Estou contente com meu rendimento no treino de 25 minutos de ontem (domingo)", disse.

 

O zagueiro de 31 está próximo de disputar seu segundo Mundial pela Colômbia. Zapata participou da Copa de 2014 e foi eliminado pelo Brasil nas quartas de final. Agora, o jogador prevê que sua seleção pode ir ainda mais longe.

"Não é impossível. Temos time, o sonho e a ilusão estão aí (de disputar uma final). Quando se sonha, tudo se pode fazer realidade, mas é preciso lutar. Trataremos de dar o máximo em cada partida", concluiu.

A Colômbia fará o último treino em Milão nesta terça-feira e na sequência embarcará para a Rússia. A seleção sul-americana ficará na cidade de Kazan. Além do Japão, também estão na chave Polônia e Senegal.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.