Recuperado, Diogo deve reforçar Lusa contra São Paulo

O técnico da Portuguesa, Guto Ferreira, recebeu uma grande notícia para o clássico contra o São Paulo, no sábado à noite, no Morumbi. Afastado dos gramados há um mês, o atacante Diogo realiza um trabalho de transição desde terça-feira e tem boas possibilidades de aparecer pelo menos no banco de reservas para o jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

30 de outubro de 2013 | 19h38

No último dia 27 de setembro, o jogador de 26 anos passou por uma cirurgia por conta de uma crise de apendicite e também para corrigir uma hérnia inguinal. Desde então, vem realizando tratamento intensivo e ficou fora de oito partidas.

Apesar do importante desfalque, a Lusa conseguiu alguns bons resultados e manteve uma distância confortável para a zona de rebaixamento. O time tem 39 pontos, na 14ª colocação, contra 33 pontos da Ponte Preta, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento. "Está excelente. Precisamos buscar mais seis ou sete pontos", explicou Guto Ferreira.

Ainda sem ter a certeza da presença de Diogo, o treinador pode contar com o retorno de dois jogadores. O zagueiro Moisés Moura e o lateral-esquerdo Rogério, que estavam suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, Bryan deve deixar a ala esquerda.

Em relação a Moisés Moura ele ainda depende de avaliação médica, já que sente dores no joelho direito. Caso não melhore, Lima será mantido ao lado de Valdomiro. "Fico feliz pelas partidas que tenho disputado, por estar entrando e ajudando em alto nível, mesmo não atuando com frequência", afirmou Lima.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPortuguesaDiogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.