Recuperado, Gilberto espera nova chance no Botafogo

Titular nos quatro primeiros jogos do Botafogo no ano, o lateral-direito Gilberto vinha agradando o técnico Osvaldo de Oliveira até que sofreu uma lesão muscular na coxa direita. Recuperado e de volta aos treinos nesta semana, o jogador sonha com uma nova oportunidade da equipe, mas sabe que não será fácil. Seu substituto, Lucas, se tornou herói depois de marcar o gol do título da Taça Guanabara, na vitória por 1 a 0 sobre o Vasco.

AE, Agência Estado

21 de março de 2013 | 12h29

"Independentemente de com quem vou brigar pela vaga, de que o Lucas tenha feito o gol do título e seja um jogador de muita qualidade, assim como o Edílson (outro lateral do elenco), tenho confiança em mim mesmo. Oswaldo e a torcida já me conhecem, vou trabalhar para conquistar meu espaço de novo", declarou.

No momento, no entanto, o jogador só pensa em comemorar a recuperação. "É bom poder retornar. Estive um tempo parado, nunca é legal, mas houve o lado positivo de descansar o corpo e voltar 100%. Trabalhei bastante no departamento médico, depois na parte física, já estou treinando com o grupo normalmente pensando em voltar na mesma forma que eu estava."

Mesmo afastado na maior parte da campanha, Gilberto comemorou o título da Taça Guanabara, sua primeira conquista como profissional. O jogador, que completou 20 anos no último dia 7, viu a decisão da arquibancada, mas se sentiu em campo, ao lado de seus companheiros.

"Ser campeão é bom demais. Mesmo não jogando a final, foi uma experiência muito boa. Tenho em mente que ajudei, mesmo que um pouquinho, nos quatro jogos. Ser campeão é uma vitória muito grande. Estava na arquibancada, mas era como se estivesse em campo com meus companheiros", lembrou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoGilberto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.