Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Recuperado, Nico López treina e pode reforçar Inter contra o Goiás

Equipes se enfrentam na quarta-feira, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2019 | 21h36

O Internacional terá ao menos um reforço para o jogo contra o Goiás, quarta-feira, no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 35ª rodada do Brasileirão. O atacante Nico López treinou normalmente nesta segunda, após ser desfalque no empate com o Fortaleza por 2 a 2, no domingo.

O jogador uruguaio havia ficado de fora devido a uma amidalite. Recuperado, ele pôde participar da atividade realizada no período da tarde no CT Parque Gigante. O reforço chega em bom momento para o técnico Zé Ricardo. No domingo, o também atacante William Pottker deixou o gramado com dores e virou dúvida para o duelo de quarta. Guilherme Parede também é opção para o setor ofensivo.

Nesta segunda, López participou do treino ao lado dos reservas. O treinador comandou atividade de movimentação antes de um coletivo de dez jogadores contra dez no gramado. Dos titulares, somente o zagueiro Cuesta foi a campo para uma corrida leve. Os demais fizeram apenas trabalho regenerativo e exercícios físicos.

Para o confronto do meio de semana, Zé Ricardo terá ao menos duas baixas certas: o volante Rodrigo Lindoso e o meia-atacante Rafael Sóbis. Ambos levaram o terceiro cartão amarelo no fim de semana e vão cumprir suspensão na quarta. O meia Patrick, com dores, também pode virar a ser desfalque.

O Inter encara o duelo quase como uma final por ser confronto direto por uma vaga na zona de classificação à Copa Libertadores de 2020. Com 51 pontos, a equipe gaúcha figura na 7ª colocação, contra os 46 pontos e o 9º lugar do time goiano. No momento, o Inter está dentro da zona de classificação. Os títulos de Flamengo e Athletico-PR, na Libertadores e na Copa do Brasil, respectivamente, ampliaram o G-6 para o G-8.

"Temos um jogo importante na quarta-feira. Precisamos garantir a vaga, o mais rápido possível. O Goiás é um confronto direto por essa vaga. É como se fosse uma final Continuamos dependendo da gente para chegar na Libertadores. Se a gente vencer, ficamos muito próximo do nosso objetivo", disse o goleiro Marcelo Lomba, um dos destaques do empate de domingo, por defender cobrança de pênalti nos minutos finais do jogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.