Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Recuperado, Nico López treina e pode reforçar Inter contra o Goiás

Equipes se enfrentam na quarta-feira, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2019 | 21h36

O Internacional terá ao menos um reforço para o jogo contra o Goiás, quarta-feira, no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 35ª rodada do Brasileirão. O atacante Nico López treinou normalmente nesta segunda, após ser desfalque no empate com o Fortaleza por 2 a 2, no domingo.

O jogador uruguaio havia ficado de fora devido a uma amidalite. Recuperado, ele pôde participar da atividade realizada no período da tarde no CT Parque Gigante. O reforço chega em bom momento para o técnico Zé Ricardo. No domingo, o também atacante William Pottker deixou o gramado com dores e virou dúvida para o duelo de quarta. Guilherme Parede também é opção para o setor ofensivo.

Nesta segunda, López participou do treino ao lado dos reservas. O treinador comandou atividade de movimentação antes de um coletivo de dez jogadores contra dez no gramado. Dos titulares, somente o zagueiro Cuesta foi a campo para uma corrida leve. Os demais fizeram apenas trabalho regenerativo e exercícios físicos.

Para o confronto do meio de semana, Zé Ricardo terá ao menos duas baixas certas: o volante Rodrigo Lindoso e o meia-atacante Rafael Sóbis. Ambos levaram o terceiro cartão amarelo no fim de semana e vão cumprir suspensão na quarta. O meia Patrick, com dores, também pode virar a ser desfalque.

O Inter encara o duelo quase como uma final por ser confronto direto por uma vaga na zona de classificação à Copa Libertadores de 2020. Com 51 pontos, a equipe gaúcha figura na 7ª colocação, contra os 46 pontos e o 9º lugar do time goiano. No momento, o Inter está dentro da zona de classificação. Os títulos de Flamengo e Athletico-PR, na Libertadores e na Copa do Brasil, respectivamente, ampliaram o G-6 para o G-8.

"Temos um jogo importante na quarta-feira. Precisamos garantir a vaga, o mais rápido possível. O Goiás é um confronto direto por essa vaga. É como se fosse uma final Continuamos dependendo da gente para chegar na Libertadores. Se a gente vencer, ficamos muito próximo do nosso objetivo", disse o goleiro Marcelo Lomba, um dos destaques do empate de domingo, por defender cobrança de pênalti nos minutos finais do jogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.