Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Recuperado, Pedrinho deve ganhar mais espaço no Corinthians

Atacante fez sua estreia na temporada diante do Mirassol após se curar de uma anemia

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

10 Março 2018 | 01h00

O atacante Pedrinho estreou pelo Corinthians em jogos oficiais na temporada na partida contra o Mirassol, na última quarta-feira, depois de passar por um tratamento para curar uma anemia que o afastou dos gramados por várias semanas. O garoto, que desde que subiu ao time principal luta para ganhar massa muscular, conta com o apoio do técnico Fábio Carille, que promete lhe dar mais oportunidades. 

+ Renê Júnior sofre lesão e está fora do Paulistão

+ Reforço mais caro do ano, Mateus Vital já se sente em casa

+ Corinthians deve ter time misto contra o Botafogo-SP

“O Pedrinho vai ganhar espaço. Ele está melhorando o que tem de melhorar como atleta. Eu fico no pé dele para tomar o que tem de tomar e comer o que tem de comer. É um garoto que vai nos ajudar bastante”, apostou o treinador. 

Pedrinho começou a aparecer como destaque durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior do ano passado. Depois da competição, foi promovido ao time principal, mas ainda não conseguiu ter uma sequência de jogos por causa de sua condição física. Nos primeiros jogos, ele chegou a reclamar com Carille que não suportava o ritmo e os choques contra os adversários.

Por isso, o menino passou por um trabalho de fortalecimento muscular para ganhar massa magra. Além do corpo franzino, Pedrinho também tinha problemas com cãibras. A má alimentação fez com que ele tivesse anemia, algo que o deixou longe do time por algumas semanas. 

Recuperado e sendo vigiado pelo clube, para se alimentar corretamente, o menino deve ficar no banco de reservas na partida contra o Botafogo, neste domingo, às 17h, em Ribeirão Preto. 

Mais conteúdo sobre:
Pedrinho Corinthians Campeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.