Red Bull libera Marcelo Barbieri e deve acertar com Alberto Valentim

Ex-lateral era assistente-técnico do Palmeiras até a última semana

Estadão Conteúdo

02 de dezembro de 2016 | 14h43

O Red Bull Brasil anunciou na manhã desta sexta-feira a esperada saída do técnico Maurício Barbieri, que estava no comando do clube há três anos. A decisão de não renovar é para atender a ideia de promover algumas mudanças na temporada 2017. O nome de Alberto Valentim, auxiliar-técnico de Cuca no Palmeiras, é dado como certo para assumir a vaga.

Os números de Maurício Barbieri chamam a atenção. Ele comandou o Red Bull Brasil em 78 oportunidades, com 35 vitórias, 23 empates e 20 derrotas, levando a equipe campineira à elite do futebol paulista. Ainda neste ano, disputou a Série D do Campeonato Brasileiro.

Cotado como substituto, Alberto Valentim foi auxiliar de Cuca durante o Campeonato Brasileiro e chegou a comandar o time antes da contratação do comandante. Neste ano, o agora treinador comandou o Palmeiras em duas oportunidades, na vitória por 2 a 0 em cima do São Paulo, no Paulistão, e na derrota para o Botafogo por 3 a 1, no Brasileiro.

Alberto Valentim preferiu não comentar nenhuma especulação e disse que primeiro irá encerrar seu vínculo com o Palmeiras de forma oficial. "Deixei o clube para seguir minha vida como treinador, mas ainda preciso resolver algumas questões pessoais. Por enquanto, optei por não conversar com ninguém da imprensa, para esperar um melhor momento", disse rapidamente. Ele apenas cumpre a orientação do clube, que costuma evitar depoimentos de seus funcionários à imprensa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.