Cesar Greco/Divulgaçao
Cesar Greco/Divulgaçao

Reforços admitem que chegar ao Palmeiras é um sonho de infância

Volante e zagueiro dizem que chegar ao time alviverde é um sonho de infância e que prometem aproveita a oportunidade

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

09 de janeiro de 2015 | 20h49

Apontados entre os melhores de suas posições na Série B do ano passado, defendendo o América-MG, o zagueiro Vitor Hugo e o volante Andrei Girotto ficaram bastante valorizados no fim do ano e por isso acabaram acertando com o Palmeiras. Embora tenham feito uma boa temporada, os dois admitem que ficaram surpresos e ansiosos quando começaram as especulações de que poderiam chegar ao Alviverde.

"Todo menino sonha chegar onde a gente chegou, que é um time grande. Amigos e familiares que torcem para outros times, ficaram chateados, com a gente, mas eu comemorei bastante, porque era o meu sonho. Vou fazer de tudo de hoje até dezembro para mostrar serviço e ficar por aqui", disse Vitor Hugo, que assim como Andrei, assinou contrato de empréstimo válido até o fim da temporada.

Já Andrei preferiu comemorar com a família. "Foi um sonho e fiquei muito feliz quando começaram a falar do Palmeiras. Agora estou aqui, vou procurar aproveitar a oportunidade", projetou o novo volante palmeirense.

Como o elenco do Palmeiras passa por uma grande reformulação, inclusive na comissão técnica, a dupla acredita que começa o ano em igualdade de condições dos demais companheiros na disputa por uma vaga entre os titulares.

"O professor deixou claro que ninguém tem lugar garantido aqui. Vamos suar muito para buscar o nosso espaço e estamos bem tranquilo em relação a isso", avisou Vitor Hugo, que disputa com Tobio, Nathan, Wellington e Thiago Martins as vagas na defesa.

Para Andrei, o segredo para conseguir ter sucesso no Palmeiras é se dedicar nos treinamentos. "Vai depender dos treinos e dos jogos. Temos que treinar como vai jogar. Então, vou mostrar como eu jogo nos treinos e buscar uma vaga no time titular. Aqui é uma grande vitrine", explicou o volante, que terá Amaral, Renato, Gabriel, João Denoni e Luiz Gustavo como concorrentes na posição. 

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.