César Greco/Ag. Palmeiras
César Greco/Ag. Palmeiras

Reformulado, Palmeiras reencontra a torcida em São Paulo em jogo contra o Oeste

Equipe volta a mandar jogo em São Paulo pela primeira vez desde partida que marcou ápice de crise no clube

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

29 de janeiro de 2020 | 04h30

Há cerca de dois meses, o Palmeiras jogou pela última vez em São Paulo, saiu vaiado de campo por sua própria torcida, teve duas demissões no mesmo dia e se apegou ao discurso de reformulação para 2020. Agora, nesta quarta-feira, a equipe recebe o Oeste, no Pacaembu, às 19h15, pelo Campeonato Paulista, para mostrar ao torcedor que tanto o criticou que vive um momento bem diferente.

A partida válida pelo Estadual é a primeira do Palmeiras como mandante em São Paulo desde a derrota por 3 a 1 para o Flamengo, pelo Brasileirão, em dezembro do ano passado. A surra selou as demissões do técnico Mano Menezes e do diretor de futebol Alexandre Mattos para dar lugar a uma reestruturação. O clube não só trouxe substitutos para as duas funções como também promoveu garotos das categorias de base e parou de correr atrás de pacotes de reforços.

A proposta do "novo Palmeiras" será apresentada à torcida nesta noite, no Pacaembu, agora sem mais pertencer à prefeitura de São Paulo. A equipe chegou a fazer dois jogos como mandante desde aquela derrota para o Flamengo, mas o encontro no ano passado com o Guarani foi em Campinas e o clássico com o São Paulo no domingo passado ocorreu em Araraquara. A partida não será realizada no Allianz Parque porque a arena passa pelo processo de troca de grama natural para o gramado sintético, como mostrou o Estado nesta semana.

Os palmeirenses que forem ao estádio, em jogo às 19h15, vão ver em campo um time modificado em relação às primeiras apresentações do ano. O técnico Vanderlei Luxemburgo indicou no último treino a troca de quatro titulares. Felipe Melo, Gabriel Menino, Dudu e Luiz Adriano serão poupados. Luan, Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Willian vão ganhar chance para mostrar serviço.

"Ninguém tem cadeira cativa no clube. Independentemente de já ter conquistado algo aqui, temos de mostrar todo dia. Nosso treinador quer saber sobre daqui pra frente, não do que ficou para trás. Ele sempre respeita sua história, mas quer que todo mundo mostre o tempo todo", explicou o atacante Willian. O jogador será titular pela primeira vez no ano, mas ele participou das quatro partidas do Palmeiras até agora em 2020.

O adversário do Palmeiras conta com vários jogadores cedidos por empréstimo pelo rival Corinthians. O Oeste deve entrar em campo com o goleiro Caíque França e o volante Mantuan. Ainda completa o elenco o meia Fabrício Oya. A tendência é o time manter a escalação que no sábado derrotou o Ituano por 1 a 0, em Barueri.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X OESTE

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Ramires, Zé Rafael e Lucas Lima; Gustavo Scarpa, Gabriel Veron e Willian. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

OESTE: Caíque França; Éder Sciola, Sidimar, Bruno Bispo e Rael; Mantuan, Matheus Jussa e Mazinho; Roberto, João Paulo e Marlon. Técnico: Renan Freitas.

Árbitra: Édina Batista.

Horário: 19h15

Local: Pacaembu

Na TV: Premiere

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.