Paulo Whitaker / Reuters
Paulo Whitaker / Reuters

Reinaldo minimiza vaias da torcida do São Paulo: 'Volto se for bom pra todos'

Lateral-esquerdo está emprestado pelo time tricolor à Chapecoense até o fim de ano

O Estado de S.Paulo

10 Novembro 2017 | 11h00

O lateral-esquerdo Reinaldo diz não ter se intimidado com as intensas vaias da torcida do São Paulo durante o empate por 2 a 2 com a Chapecoense, na última quinta, no Pacaembu. Emprestado pelo time tricolor aos catarinenses até o fim deste ano, ele não descarta a possibilidade de voltar ao Morumbi.

São Paulo reage no segundo tempo e arranca empate por 2 a 2 com a Chapecoense

"Eu tenho contrato. Se for bom para mim, para o São Paulo, para todos, eu volto. Volto para fazer o meu trabalho, com a minha humildade de sempre, como eu venho fazendo nesses dois anos, na Ponte Preta e na Chapecoense. Então, eu tenho certeza que se eu voltar para o São Paulo, vou dar o meu máximo", disse Reinaldo, ao SporTV.

O jogador teve participação nos dois gols dos visitantes diante do time tricolor. Deu assistência para Wellington Paulista e marcou o dele, de pênalti. “Motivação eu tenho em todos os jogos. Seja contra qualquer outro time. É coincidência jogar contra o São Paulo e fazer gols, dar assistência. Eu sempre tento fazer meu melhor dentro de campo.”

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.